Avançar para o conteúdo principal

Sopa Lenta (e Ridiculamente Cremosa) (Paleo, Whole30-Approved, Saudável, Sem Glúten, Sem Lactose)


Antes de fazer o Whole30 comia sopa todos os dias ao almoço e ao jantar. 
A minha relação com os vegetais nunca foi má; sempre gostei de brócolos cozidos, cenoura crua, vegetais no wok e pepino, por exemplo. Ainda assim, tinha muitos vegetais que odiava também  – cenoura cozida, beterraba, feijão verde (não odeio assim tanto, mas não gosto muito) e couve-flor (exceto como molho para massa).
Quando entrei no whole curiosamente deixei de comer sopa ao almoço e ao jantar, mas passei a comê-la ao pequeno-almoço; como tenho mais tempo nas outras refeições, posso sempre fazer um salteado ou juntar vegetais à proteína (como em peixe à brás). Isto, aliado ao facto de que como vegetais crus e cozinhados em cada refeição, permitiu-me alargar o meu conhecimento quando o assunto é vegetais – a grande revelação foi a couve-flor, que passei a adorar assada ou em arroz. No entanto, não vou passar isto como uma cura mágica para não gostar de vegetais, simplesmente experimentei muitos de várias maneiras e alguns ficaram, como espargos (pena o preço :P), a supramencionada couve-flor e pimentos padrão (já conhecia mas não era fã, agora adoro!).
No entanto, e caso não gostem de vegetais, podems suspirar de alívio, porque há realmente uma cura mágica para o vosso problema: sopa (eu sei que já estavam a pensar que eu ia dizer óleo de fígado de vegetais, espero que não fiquem desapontadas comigo).
A sério, eu sei que a sopa é uma coisa odiada por menores de 18 e apenas tolerada pela maior parte dos adultos (vá lá, longe das crianças podem admitir que é por obrigação :P), mas se for feita da maneira certa transforma uma mistura aleatória e normal de vegetais num prato cremoso com um sabor fantástico.
Acreditem, pode não parecer, mas é tão mais do que um simples puré de vegetais diluído!





Sopa Lenta (Paleo, Whole30-Approved, Saudável, Sem Glúten, Sem Lactose)
Para 20 doses (talvez seja melhor reduzir mantendo a proporção se não querem alimentar um regimento durante uma semana)
Inspirado aqui e aqui

Ingredientes:
[  150g de abóbora
[  200g de alho francês (2 alhos-franceses pequenos)
[  100g de brócolos (1 raminho)
[  100g de cebola (1 cebola pequena)
[  250g de cenoura (2 cenouras)
[  500g de chuchu (2 chuchus)
[  100g de courgette
[  200g de couve-flor (1/4 de cabeça)
[  100g de pimento verde (1/2 pimento)
[  100g de pimento vermelho (1/2 pimento)
[  650g de repolho (1 repolho)
[  150g de costela mendinha (1 pedaço)
[  200g de nispo (carne para a sopa) (2 pedaços)
[  300g de peito de frango (1 peito de frango)
[  400g de rabo de boi (4 pedaços pequenos)
[  1 ramo de salsa
[  3L de água
[  Sal (a gosto)

Preparação:
| Picar todos os legumes grosseiramente e colocar numa panela gigante.
| Colocar na panela a carne (cortada em pedaços grandes).
| Cobrir com a água (deve tapar os legumes e a carne).
| Levar a lume médio-alto até ferver (com a tampa).
| Reduzir o lume para o mínimo possível e deixar cozinhar, tampado, durante 4 a 8 horas.
| Retirar a carne e os ossos, desfiar a carne e descartar os ossos.
| Triturar com a varinha mágica os vegetais (com paciência para ficar cremosa). Podem saltar este passo se preferirem a sopa com vegetais a flutuar em vez de passada.
| Devolver à panela a carne desfiada.




Esta sopa é tãããão boa. Se passarem bem fica incrivelmente cremosa (ajuda que os vegetais fiquem macios por causa da cozedura lenta), e não sei quanto a vocês, mas eu adoro ter carne desfiada numa matriz indiferenciada de sopa. Fica mesmo muito bom!
Estas direções são um bocado um exemplo. São as quantidades que usei para fazer a panela que está neste momento a ultrapassar o seu (longo) processo de cozedura, porque geralmente o que eu faço é só arranjar vegetais e ir colocando-os juntamente com a carne na panela até a encher, cobrindo depois com água a ferver. Podem ir pondo vegetais à sorte de acordo com o vosso bom senso, se preferirem, mas eu achei que pôr «imensos vegetais», «uns pedaços jeitosos de carne» e «água» como únicos ingredientes seria estranho.
Esta é mais uma daquelas receitas que demora a fazer mas não exige atenção - nem mexo a sopa durante as 4 a 8 horas, normalmente. Dá bastante pouco trabalho. Entretanto se quiserem até podem fazer uma maratona e ainda sobra tempo para recuperar e comer um pratinho de massa :P
Tenho feito esta quantidade ao Domingo e fico com os pequenos-almoços para a semana, o que dá bastante jeito. Aqueço numa panela adorável ao lume e fica muito boa na mesma, dura até uma semana.
...Já agora, se dúvidas restassem quanto à minha dedicação ao blog, estive a pesar todos os ingredientes. Eu, que ponho película aderente no prato da balança quando peso manteiga para não ter de o lavar. E no meu processo aleatório de produção industrial de sopa. É como pedir ao Kandinsky para medir a tinta. Ah, e segurei no tablet com uma mão enquanto segurava na colher com a outra, tentava não tremer (ou estatelá-lo no prato de sopa) e tirava fotos, apenas para poderem testemunhar o quão bela fica a minha sopa na colher.
(Também organizei os ingredientes com um segundo critério - sendo o primeiro a ordem de uso - de ordem alfabética. De nada.) 
A minha avó admitiu a cedência do trono de sopas em meu favor após comprovar o prodígio de sopa que isto é, vejam só ;)

_________________________________________________________________________
Informação Nutricional (por 144g, 1 malga, 1/20 da receita ou 2 conchas)
Energia: 71kcal
Proteínas: 8.2g
Hidratos de Carbono: 8.3g
-       Dos quais açúcares: 2.2g
Lípidos: 1.1g
-          Dos quais hidrogenados: 0g
-     Dos quais saturados: 0g
Fibra: 2.2g
Sódio: 51mg

...Como VIS, a sopa merece destaque nalguns outros pontos que não costumo pôr:
- 107% da DDR de vitamina C;
- 65% da DDR de vitamina A;
- 10% da DDR de cálcio;
- 10% da DDR de ferro;
- 10% da DDR de potássio.

     A informação nutricional engloba uma porção (neste caso, corresponde a 144g, 1 dose ou 1/20 da receita). Está sujeita a erro humano e a alguma imprecisão, mas deverá apresentar valores próximos do valor real. 
_________________________________________________________________________

Comentários

  1. Sempre gostei de sopa, mesmo em pequenina (mas sou suspeita pois sempre fui bom garfo :)), mas acho que ao pequeno-almoço é algo que não conseguiria mesmo, para o meu cérebro, sopa ao almoço é demasiada informação :P

    A sopa que apresentas tem excelente aspecto e a avaliar pelos ingredientes é bem rica!
    http://petiscana.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. como sopa todos os dias menos ao fim de semana, mas ao jantar sempre, essa sopinha tem muito bom aspeto mesmo.


    O Cantinho dos Gulosos

    ResponderEliminar
  3. Gosto imenso de uma bela sopa! E os meus filhos também! É uma excelente forma de comer vegetais, embora eu os coma de qualquer maneira pois gosto muito!

    ResponderEliminar

  4. Essa sopa soa-me a verdadeira delícia a tocar no rústico.
    Ao ler a descrição da preparação e ingredientes, de repente vi-me a fazer uma sopa assim, mas, em modo caldeirão, por cima de uma maravilhosa fogueira.
    Vi muitas vezes este tipo de confeção em casa dos meus avós, a comida era qualquer coisa como o sublimar de algo transcendente.
    Adoro sopa, aliás muitas vezes dizia, com sopa, fruta e iogurtes não preciso de mais nada.
    Bem na verdade, preciso de muito mais. Mais variedade, mais cor, mais sabor, mais ….e mais desafio para não cair na rotina.
    Parabéns porque esse prato mostra uma lutadora que persiste e não desiste.

    ResponderEliminar
  5. Ora eu gosto muito de sopa e os meus filhos também, embora a Sara resmungue quase sempre que está farta de sopa!
    Sopas cremosas são sempre boas e essa está com muito bom aspecto!
    Acho que me habituava bem a comer sopa ao pequeno-almoço, nem todas, mas os cremes sim :-)

    ResponderEliminar
  6. Que bela sopa cremosa! Por aqui está esfriando. Me apetece um creminho assim. Beijinhos!

    ResponderEliminar
  7. COMO A PESSOA odiava cenoura cozida? Cenoura cozida foi o primeiro vegetal que consegui comer!

    Tá com uma cara mesmo boa! Também gosto de carne na sopa, mas não faço muitas carnes :( Aliás, ando com vontade de carne faz tempo. Aquela de panela... ou aquela assada... hmmm!

    Adorei o detalhe do atrapalhamento do tablet numa mão e colher na outra hahaha

    Mas ó, NUNCA, nunquinha que eu gasto OITO MOTHERFUCKING HORAS fazendo uma sopa! Nuncaaaa! Tá doida? HAHAHA Cozinho tudo rápido em máximo 1 hora e depois, liquidificador. Ufa! Pronto! (Mas totalmente respeito a arte culinária :P Tipo quando fazem costela leeeeeeeentamente, EITA MARAVILHOSIDADE) (Não tô implicando contigo, ok? :P)

    Beijosssss! <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A sério? Acho que cenoura cozida é o vegetal de que gosto menos, é horrível :P
      Carne na sopa fica muito bom! Nunca tinha comido assim desfiada :P
      Eu como alguma carne, tipo 1x/dia :)
      Foi muito difícil, pensas o quê? :P
      (Vocação de equilibrista, é o que é...)
      (Nem é bem equilibrista. Talvez daquelas pessoas que atiram pinos e os agarram. Palhaço?... Malabarista! É malabarista. Vou ser isso.)
      Tenho de fazer carne lenta! Tenho só de me preparar psicologicamente para todo um conjunto de piadas sobre cozinhar tartarugas do meu pai. ;)
      Eu também achei estranho. Em minha defesa (ou em defesa da sopa) (advogada malabarista?), a preparação activa demora para ai meia hora. O resto é a sopa a cozer no seu cantinho, não dá trabalho :)
      Beijinhos :D

      Eliminar
  8. What??? A sopa demora cerca de 4 a 8horas a ser feita? :-)
    Ela tem ótimo aspecto, mesmo cremosa lá isso tem!
    Eu sou mais de escolher vegetais, muitos vegetais... Enfiar tudo dentro da panela com água e sal e levar a ferver... Deix mais tempo para os legumes ficarem bem cozidinhos mesmo (isso faz com que fique mais cremosa ao ralar) mas nunca 4horas eheheheheheh!
    Engraçado, que eu esfio muitas vezes carne e deito na sopa, mas carne das sobras... Carne assada e por vezes até os panados... Tiro-lhes aquela capa de fritar e meto na sopa aos bocadinhos :-) A minha avó fazia-me isso quando era pequena e eu ainda gosto :-)
    Eu adoro sopa!!! Cá em casa come-se sempre sopa... O meu filho sempre amou sopa, mas está a começar numa fase em que quer deixar de comer (como se isso fosse possível) :-) Ele bem tenta, diz que a sopa está quente, que está fria, até diz que a sopa está suja, mas acaba sempre por comê-la toda :-) Acho mesmo importante incutir as crianças desde bebés a comer uma boa sopa!!!
    E quanto ao comer sopa ao pequeno-almoço, os antigos eram sempre assim, por isso não estranho :-) Desde que gostes é o que importa!!! Eu cá não dispenso a minha cevada ou o meu leite :-)

    Beijinhos grandes***

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto também é mais ou menos como esse processo. Uso sempre vegetais à sorte, não os peso :P mas desta vez anotei tudo, porque acho que há muita gente que tem mais facilidade assim. Eu quando comecei a cozinhar também ficaria à toa se uma receita me dissesse «legumes a gosto, carne a gosto, 4h ao lume» :P
      PANADOS NA SOPA? Que. Estranho. Achei engraçado :P
      (Já sei o que faço quando sobrarem panados.)
      (Mas nunca sobram panados, são demasiado bons comidos frios.)
      É, insiste nisso que se habitua a não comer depois nunca mais come :P
      Hahaha, sopa suja :P
      Também acho importante, até porque «impingir-lhes» outros vegetais (gomas verdes não contam) é mais difícil!
      Eu gosto ;)
      Beijinhos :)

      Eliminar
  9. Eu odeio legumes (não gosto de sentir legumes e fruta moles) apesar de gostar muito do sabor. Por isso ponham-me sopa à frente, seja do que for que eu como com gosto!
    Essa tendo pimentos só me deixa um pouco com medo de ter um sabor forte...eu gosto de pimentos mas só um ligeiro sabor pois caem me um bocado mal e dificultam a digestão...Mas com tanta coisa boa que a sopa leva aposto que não se deve sentir muito o sabor :)

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  10. Normalmente como só sopa ao jantar. Mas faço mesmo dela refeição. Não como mais nada.
    Eu antes também era uma esquisita com os legumes e agora quantos mais melhor =)

    Beijocas

    ResponderEliminar
  11. Adoro sopas assim cremosas e grossinhas!

    ResponderEliminar
  12. Gosto de sopa ( sempre gostei) e a tua parece mesmo muito boa. Agora não sei se teria paciência para "aguentar" 4 a 8 horas para a ter pronta. É que gosto de tudo para ontem,eheh.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  13. Sopas bem cremosas são as minhas favoritas ;)
    Beijinho

    Recanto com Tempero
    http://recantocomtempero.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Produtos #91 - Pudins Proteicos do Lidl (Baunilha/Chocolate)

Hoje o post é sobre a febre do momento: os pudins proteicos do Lidl :P Para quem não está a par, há algumas semanas começaram a aparecer nos supermercados portugueses da cadeia Lidl uns pudins proteicos muito parecidos aos da Ehrmann. Estão disponíveis em duas versões: baunilha e chocolate . Cada pudim ( 200g ) tem cerca de 150kcal e 20g de proteína e custa 0.99€ . Não têm açúcar adicionado , e são isentos de lactose e de glúten .  Por vezes recebo comentários a referir que o teor de açúcar não é nulo (4g/100g) , mas é importante referir que este açúcar é naturalmente presente . Os iogurtes naturais não adoçados têm uma quantidade de açúcar semelhante. Outro ponto importante a referir é que a proteína também vem do leite , que é uma fonte de qualidade (por ser completa, ao contrário por exemplo do colagénio ou glúten). Antes que fiquem excessivamente entusiasmados, devo dizer que encontrá-los não é tarefa fácil: a procura anda ao nível dos skyr na altura em que foram lançados (

Bolo de Spéculoos

  Com quase dois meses de atraso, venho deixar a receita do bolo que fiz para o meu aniversário. Mais pequeno que o habitual, tendo em conta a situação pandémica na altura (nos últimos dois anos não tive muita sorte com o timing do meu dia de anos). Para compensar, fi-lo em modo *overdose de spéculoos*: spéculoos  alegram qualquer situação :D O recheio foi improvisado à última da hora: tinha planeado fazê-lo com natas batidas e creme de spéculoos, mas aqueci o creme para ficar mais fluido e a temperatura fez com que as natas coalhassem. Fiquei sem o único pacote de natas que tinha, mas felizmente sou  exagerada  precavida e tinha meia dúzia de frascos do creme de barrar.  Acabei por desenrascar um recheio misturando-o com o pudim de caramelo da Ehrmann como base, o que de resto prova a minha tese de que há poucas coisas que não se resolvam com um pudim de caramelo da Ehrmann :P Foi tudo pelo melhor, porque ficou delicioso! Deixo a receita para que possam experimentar :)  Bolo de Spécul

Madalenas Sem Açúcar

Tenho a tradição de testar uma receita nova de cada vez que recebo ou compro uma nova forma. Por vezes as ideias são muitas e não é fácil escolher, mas quando a My Tup Love  me enviou esta forma não houve sequer um momento de indecisão: forma de madalenas pede madalenas :D  Juntei o útil e agradável, e usei na receita a recentemente lançada aveia de custard. O seu aroma docinho a lembrar bolos com limão não podia ser mais adequado para o efeito :)  Madalenas Sem Açúcar Para 6 madalenas Ingredientes : [  1 ovo [  50g de quark natural [  25ml de leite [  75g de farinha de aveia com sabor (usei a de custard da EU Nutrition , que tem um saborzinho a limão fantástico; podem encomendar com 15% de desconto usando o cupão euavela15 no site) [  1 colher de café de fermento Preparação : | Bater o ovo com o quark durante dois ou três minutos. | Baixar a velocidade para o mínimo e adicionar o leite, batendo apenas até este estar incorporado.  | Juntar a farinha e o fermento envolver com uma espát