Avançar para o conteúdo principal

Preparação de Refeições #6 - Tofu com Cebolada de Pimentos e Vegetais Assados com Batata-Doce



Como referi que faria na sexta-feira, deixo-vos hoje o habitual post de preparação de refeições. Nesta última semana a minha escolha foi novamente vegan, sendo a fonte de proteína o meu 'substituto de carne' favorito até ao momento: tofu.

Desta vez fiz a preparação no forno, para variar e porque tinha menos tempo (comida  de forno exige menos atenção).

Tabuleiros pré-forno

Tabuleiros pós-forno :)
Para quem não viu, a receita deste tofu foi publicada na sexta-feira. De uma forma simplificada, apenas levei o tofu um bocadinho ao forno, preparei uma cebolada com pimentos no fogão e depois usei-a para cobrir o tofu e levei o tabuleiro ao forno novamente.

Não é para me gabar, mas ficou bastante bonito :P

O tofu que usei
Achei este tofu da Seara prático para quem, como eu, pretende usar uma grande quantidade - vem em embalagens de 500g, por isso além de ficar mais barato poupa-se plástico e o trabalho de abrir imensos pacotes :P

A nível de ingredientes é bom, mas de qualquer modo os ingredientes do tofu costumam ser sempre deste género: soja, água e coagulante. É também costume serem biológicos.


Eu usei 3 embalagens, num total de 1,5kg (nada exagerado :P). Como referi no próprio post, coloquei na receita apenas 1/3 das quantidades que usei, de forma a ser mais prático para quem não planeia fazer tantas refeições disto.

O tofu às tirinhas no tabuleiro, antes de ir ao forno :)

E a cebolada < 3 (estou viciada nestas cores!)

Quanto aos vegetais, fiz mesmo da maneira mais simples possível, mas como algumas pessoas me perguntaram posso dizer aqui como fiz.

Apenas lavei bem todos os ingredientes (usei brócolos, espargos e batata-doce) e cortei em pedaços  - convém que a batata-doce seja cortada em cubos pequenos, caso contrário vai demorar mais a cozer do que o resto. Dispus tudo num tabuleiro de forno forrado com papel vegetal e juntei um fio de azeite, sal, manjericão e orégãos; podem pôr outras ervas/especiarias a gosto, mas pessoalmente acho que estas são as que ficam melhor. Depois foi só levar ao forno pré-aquecido a 200 graus! Fui abrindo o forno para mexer a cada 15 minutos, de forma a que tudo cozesse uniformemente. Demorou cerca de uma hora no total até estar pronto, mas depende muito da quantidade que fizerem - como vêem pelas fotos, o meu tabuleiro tinha uma bela carga de vegetais, e por isso teve de ficar bastante tempo no forno! O melhor é irem provando para verem como está, e retirarem quando vos parecer que tudo está suficientemente cozido :)

Escolhi assar brócolos e espargos porque acho que ficam especialmente bem feitos desta forma, mas podem usar qualquer vegetal de que gostem. Juntei ainda batata-doce, que também fica deliciosa assada - até me faz lembrar castanhas, não me perguntem como :P

O tofu esteve no forno durante mais ou menos o mesmo tempo - na receita referi 20 minutos, porque seriam suficientes se o tabuleiro não estivesse a dividir o forno com os vegetais e a dose que fiz não fosse tão grande. Este prato é uma boa escolha para dividir o forno com os vegetais porque 'espera', ou seja, não exige grande rigidez no tempo que o deixamos no forno. Tanto o tofu como a cebolada estão pré-cozidos, por isso variações no tempo que fica no forno só fazem com que fique mais ou menos dourado! 

No prato :)
Desta vez não fiz mesmo variação nenhuma no acompanhamento, tanto porque não tive tempo como porque fiz uma dose bastante grande de ambos os componentes. Comi portanto 5 refeições iguais às da foto acima, uma por cada dia da semana (almoço ou jantar, dependendo do que me era mais conveniente). Também já me têm perguntado se não me canso de comer a mesma coisa tantas vezes, mas a verdade é que não - até porque só faço coisas de que gosto bastante, não é de todo um sacrifício para mim comê-las em 5 dias seguidos. Além disso, como mudo de semana para semana acaba por não ser assim tão repetitivo :)

Espero que tenham gostado da sugestão desta semana. Infelizmente acabou na sexta-feira, por isso amanhã lá terei de preparar uma nova 'mesada' para a semana :P

Comentários

  1. Adoro legumes no forno e faço muitas vezes, acho que todas as combinações resultam, mas gosto de lhes misturar maçãs! :)
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  2. Que ricas sugestões,..
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  3. Eu gosto de tofu, mas só o fumado.

    Beijocas

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

As Panquecas Perfeitas! (Saudável, Sem Gordura Adicionada, Sem Glúten)

Desde que tenho o blog já experimentei muitas receitas de panquecas, e já publiquei várias delas. Algumas foram particularmente bem-sucedidas: as de aveia com quark, as de weetabix e as de coco já foram feitas (e aprovadas) por muita gente que me veio dar o seu feedback.
Outras tornaram-se em clássicos por aqui, e foram repetidas imensas vezes por mim desde que as publiquei; é o caso das panquecas com aveia de sabor e das de aveia e centeio.
Mesmo as panquecas de abóbora, uma das últimas receitas que publiquei, foram bastante apreciadas (por mim e por quem já experimentou e partilhou a sua opinião).
E gostei bastante de todas estas receitas, até porque só publico no blog coisas de que tenha gostado realmente. Mas, as receitas antigas que me desculpem, hoje não venho partilhar uma receita de panquecas 'boa', nem sequer muito boa. Hoje venho partilhar A receita, capaz de revolucionar por completo a forma como vêem as panquecas.
Apenas as fiz hoje, mas tive de publicar rapidamen…

Papas de Aveia com Claras (com aveia de sabor) (Saudável, Sem Lactose*, Sem Açúcar/Gordura Adicionados)

Já ouvi relatos mirabolantes de desastres na cozinha. Mesmo sendo óbvio que esta é basicamente um aglomerado de aparelhos potencialmente perigosos, continua a surpreender a quantidade de histórias incríveis que sobre ela há: seja sobre panelas de pressão a explodir ou desastres no fogão que originam mini incêndios, praticamente toda a gente tem algumas histórias para contar nesta divisão. Considerando isto, acho que até tenho tido alguma sorte. Tirando os óbvios e nada originais cortes e queimaduras, não me aconteceu nada de especial. A menos que consideremos... O incidente do gelado frito. Tudo começou com um inocente pedido de gelado frito para sobremesa num restaurante chinês. Tinha começado há pouco a cozinhar mais sobremesas, apenas com bolos simples, e decidi depois replicar a receita em casa, o que requeria um tacho de óleo a ferver e a necessidade de colocar e retirar rapidamente bolas de gelado deste para que não derretessem - nada fora do comum até aqui, portanto. Por muito…

Pudim Flan Proteico (Saudável, Sem Açúcar/Gordura Adicionados)

Se antes tinha um ódio de estimação por gelatina, de tal forma que o cheiro me deixava enjoada (especialmente quando quente), num passado recente os meus gostos nesse campo deram uma volta de 180 graus. Isto ocorreu em grande parte devido às gomas de fruta caseiras, que faço várias vezes por semana e consumo diariamente. Até acertar com a receita tive algumas 'fornadas' sofríveis que, confesso, custaram a acabar - mas depois de chegar à fórmula ideal nunca mais olhei para trás, e ando há meses viciada nas minhas gominhas, sem sinal de mudança à vista :)  Desta forma, não é de estranhar que me veja encorajada a fazer mais experiências com gelatina entre os ingredientes. Ultimamente, e em particular depois do sucesso do leite creme proteico, andava com a ideia de fazer uma espécie de pudim flan instantâneo mesmo simples: apenas leite, whey e gelatina para solidificar. Se por um lado me parecia que uma ideia tão simples estava a pedir para ser testada, por outro custava-me acre…