Avançar para o conteúdo principal

Produtos #68 - Pudins Proteicos da EU Nutrition



Há muito tempo que não faço um post sobre produtos - quando o tempo aperta entro em modo 'serviços mínimos' e apenas publico as refeições semanais e uma ou outra receita nova que faça :P

No entanto, tinha uma pasta com fotos dos pudins que a EU Nutrition lançou há algum tempo guardadas para fazer um post, e como tenho recebido algumas perguntas sobre eles decidi finalmente escrevê-lo :)

Já não são propriamente novidade - penso que foram lançados há cerca de um ano. Mas o que conta é a intenção :P

Para começar, informações básicas: estão disponíveis no site da EU e custam 1,99€ por embalagem, mas têm um desconto de 15% sobre este preço se usarem o cupão euavela15 (e ainda podem receber ofertas). Cada unidade tem 140g e há dois sabores: baunilha e chocolate. Quanto aos ingredientes e perfil nutricional, vou deixar mais abaixo essa informação para cada um dos sabores.

Começamos pelo meu favorito...

Baunilha


Ingredientes: Leite magro, proteínas do leite, cremes, inulina, amido modificado, emulsionantes (mono e diglicéridos de ácidos gordos), agentes espessantes (carragenina e guar), aromatizante, estabilizante (citrato de potássio), edulcorante (sucralose)

Informação nutricional por pote: 128kcal | 17.5g proteína | 3.4g gordura | 4.9g hidratos de carbono (4.1g açúcar) 

A nível de macronutrientes acho o pudim bem interessante. Ganha à esmagadora maioria das barrinhas proteicas disponíveis no mercado, tendo menos calorias, menos gordura, menos hidratos de carbono e uma quantidade semelhante de proteína.

De resto, claro que é um produto processado, mas a minha abordagem em relação a este género de produtos é sempre a mesma: procuro que a minha alimentação diária seja 85-90% alimentos pouco processados e ricos em micronutrientes, mas não tenho problemas em consumir quantidades moderadas de alimentos de que goste que não caiam nesta categoria. De resto, não 'fujo' de adoçantes nem conservantes, e confio na evidência atual e nas regulamentações que evitam que aditivos comprovadamente danosos para a saúde sejam utilizados em produtos alimentares. Há muito drama em volta dos adoçantes, mas não há estudos que suportem cientificamente os malefícios de que tanto se fala, pelo menos não associados a doses razoáveis :)

Assim sendo, para mim, este é um snack prático e com um perfil interessante que incluo na minha alimentação quando me apetece porque gosto. Sei que há opções mais baratas, e menos processadas, e com melhores macros... Mas também sei que o pudim é delicioso e sabe a leite creme, e uma posta de pescada não :P

(Nada contra postas de pescada, pelo menos as literais - estufadinhas com ervilhas e cenoura ficam bem boas. Mas continuam a não saber a leite creme.)

Quanto ao feedback sobre o sabor e textura: não me querendo repetir, mas já repetindo...

Sabe a leite-creme < 3
Há uns tempos experimentei uns pudins proteicos de outra marca e achei-os demasiado densos e com um sabor artificial, de tal forma que fiquei receosa com estes. Felizmente, superaram todas as expectativas: a textura é muito agradável e cremosa, e o sabor é perfeito! Têm um aroma fantástico a baunilha. Apesar de não terem uma quantidade elevada de gordura o sabor e textura são mesmo ricos, parecem uma sobremesa à base de natas!

Claro que pudim de baunilha pede canela. ;) Assim até fica a parecer uma sobremesa tradicional, não sei se alguém adivinha...

Leite-creme, é leite-creme. Para o caso de vos ter escapado antes :P
Normalmente como-os da forma mais banal possível: com uma colher.

(Pode parecer óbvio, mas ficariam surpreendidos com a quantidade de perguntas que recebo sobre este tipo de assunto. Já respondi a mais mensagens a perguntar de que forma como quark de sabor do que seria desejável.)

(Com uma colher. Como com uma colher, caso tenham ficado a perguntar-se.)

(Já antecipando a próxima pergunta: não, o quark de sabor não sabe a queijo.)

(Eu sei que diz queijo na embalagem. Mas não sabe a queijo. Juro.)

Tópico sensível, desculpem. Continuando :P

Apesar da falta de engenho com que normalmente como os pudins, já cheguei a usá-los mais elaboradamente como topping de uma ou outra receita. Deixo as sugestões, com links para as respetivas receitas:

Cheesecake de baunilha e canela proteico

A textura leve do pudim contrasta na perfeição com o cheesecake denso e cremoso!

Torre de bubble waffles com o pudim de baunilha & canela como cobertura. Acho que o aspeto fala por si. ;)
(para os waffles usei esta receita)

Gelado de banana com pudim de baunilha e canela (nota-se muito que adoro a combinação destes pudins com canela? Alguém que eu conheço até diria que lembra leite-creme... Eu, sou eu)
Agora que o de baunilha já teve tempo de antena suficiente, passemos para o seguinte:

Chocolate


Ingredientes: Água, proteínas do leite, cremes, inulina, cacau, amido modificado, emulsionantes (mono e diglicéridos de ácidos gordos), agentes espessantes (carragenina e guar), aromatizante, estabilizante (citrato de potássio), edulcorante (sucralose)

Informação nutricional por pote109kcal | 15.7g proteína | 3.1g gordura | 2.2g hidratos de carbono (2.2g açúcar) 

Como podem ver, o perfil é semelhante. Há algumas diferenças a nível de macronutrientes: esta versão tem um pouco menos de hidratos de carbono e de gordura, mas também de proteína. A nível de proporções este acaba por ser um bocadinho melhor, mas nada de muito significante.

Deixo umas fotos para verem o aspeto:



A textura é parecida - talvez ao ver as fotos tenham ficado com a impressão de que este é mais denso, mas isso deve-se a não estar misturado (no caso do de baunilha mexi com uma colher antes de tirar fotografias). Por isso nesse aspeto tem o meu selo de aprovação.

Já no que toca ao sabor... Honestamente não acho tão bom. Eu sou mais fã de baunilha do que de chocolate por natureza, mas neste caso vai um bocado além disso. Não é que a versão de chocolate seja desagradável, nem enjoativa, nem artificial... Simplesmente parece que falta alguma coisa. O primeiro ingrediente é água (no caso do outro era leite), e acho que isso acaba por fazer diferença. Fresquinho continua a ser agradável e como disse gosto da textura, mas em contraste com o de baunilha, que superou todas as expectativas, este fica um pouco aquém.

Desta forma, como podem imaginar, quando como um pudim desta marca acabo por optar pela versão de baunilha na esmagadora maioria das vezes. Ainda assim, para não parecer mal, deixo uma foto bonitinha do pudim usado como topping de um bubble waffle (usei a receita que já referi):

Por acaso ficou bem bom com morangos congelados, que têm um sabor mais forte!
E termina aqui o testamento sobre pudins. Espero que tenham gostado do post :) Caso tenham experimentado ou estejam a planear experimentar estes produtos, digam-me o que acharam para eu saber se partilham da minha opinião!

Comentários

  1. Mas que excelente ideias e até perdi o objectivo do post... "Barrar" os bolos com estes pudins... A sério, és uma génia =D

    Ah, e eu já comprei para o meu marido. Acho que ele gostou também =P

    Beijocas

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Produtos #91 - Pudins Proteicos do Lidl (Baunilha/Chocolate)

Hoje o post é sobre a febre do momento: os pudins proteicos do Lidl :P Para quem não está a par, há algumas semanas começaram a aparecer nos supermercados portugueses da cadeia Lidl uns pudins proteicos muito parecidos aos da Ehrmann. Estão disponíveis em duas versões: baunilha e chocolate . Cada pudim ( 200g ) tem cerca de 150kcal e 20g de proteína e custa 0.99€ . Não têm açúcar adicionado , e são isentos de lactose e de glúten .  Por vezes recebo comentários a referir que o teor de açúcar não é nulo (4g/100g) , mas é importante referir que este açúcar é naturalmente presente . Os iogurtes naturais não adoçados têm uma quantidade de açúcar semelhante. Outro ponto importante a referir é que a proteína também vem do leite , que é uma fonte de qualidade (por ser completa, ao contrário por exemplo do colagénio ou glúten). Antes que fiquem excessivamente entusiasmados, devo dizer que encontrá-los não é tarefa fácil: a procura anda ao nível dos skyr na altura em que foram lançados (

Madalenas Sem Açúcar

Tenho a tradição de testar uma receita nova de cada vez que recebo ou compro uma nova forma. Por vezes as ideias são muitas e não é fácil escolher, mas quando a My Tup Love  me enviou esta forma não houve sequer um momento de indecisão: forma de madalenas pede madalenas :D  Juntei o útil e agradável, e usei na receita a recentemente lançada aveia de custard. O seu aroma docinho a lembrar bolos com limão não podia ser mais adequado para o efeito :)  Madalenas Sem Açúcar Para 6 madalenas Ingredientes : [  1 ovo [  50g de quark natural [  25ml de leite [  75g de farinha de aveia com sabor (usei a de custard da EU Nutrition , que tem um saborzinho a limão fantástico; podem encomendar com 15% de desconto usando o cupão euavela15 no site) [  1 colher de café de fermento Preparação : | Bater o ovo com o quark durante dois ou três minutos. | Baixar a velocidade para o mínimo e adicionar o leite, batendo apenas até este estar incorporado.  | Juntar a farinha e o fermento envolver com uma espát

Bolo de Spéculoos

  Com quase dois meses de atraso, venho deixar a receita do bolo que fiz para o meu aniversário. Mais pequeno que o habitual, tendo em conta a situação pandémica na altura (nos últimos dois anos não tive muita sorte com o timing do meu dia de anos). Para compensar, fi-lo em modo *overdose de spéculoos*: spéculoos  alegram qualquer situação :D O recheio foi improvisado à última da hora: tinha planeado fazê-lo com natas batidas e creme de spéculoos, mas aqueci o creme para ficar mais fluido e a temperatura fez com que as natas coalhassem. Fiquei sem o único pacote de natas que tinha, mas felizmente sou  exagerada  precavida e tinha meia dúzia de frascos do creme de barrar.  Acabei por desenrascar um recheio misturando-o com o pudim de caramelo da Ehrmann como base, o que de resto prova a minha tese de que há poucas coisas que não se resolvam com um pudim de caramelo da Ehrmann :P Foi tudo pelo melhor, porque ficou delicioso! Deixo a receita para que possam experimentar :)  Bolo de Spécul