Avançar para o conteúdo principal

Ovos de Páscoa Recheados (Numa Versão Mais Saudável)


Hoje deixo aqui um post um bocadinho diferente do habitual, para vos dar a conhecer os ovinhos recheados que tenho feito ultimamente :)

Quem me segue nas redes sociais já está farta de os ver, porque tenho publicado imensas versões diferentes e até já publiquei várias receitas no grupo de Facebook.

Começo por referir que comprei a forma no IKEA, já que estão sempre a perguntar-me de onde é. Andava à procura de uma deste género e quando vi esta nem hesitei em comprar, até porque não é de todo cara - custou 2,99€. Deixo uma foto:


Se estão a perguntar-se porque é que a forma está acompanhada de chocolates, a resposta é que estes três produtos fazem todos parte de um giveaway que lancei como celebração dos 30000 seguidores no Instagram. Esta foi a minha contribuição, mas os prémios são bem mais, porque conto com contribuições de várias marcas - na verdade podem ganhar isto tudo:


Eu sei. ;)

Se quiserem participar, podem fazê-lo no Facebook (aqui) e/ou no Instagram (aqui). 

Se podia ter tirado uma fotografia à forma sozinha para este post? Podia, mas esqueci-me e também não me apeteceu tirar agora, por isso ficou a que tirei a propósito do giveaway :P Assim quem não sabia que este estava a decorrer ficou a saber, por isso nem tudo é mau. ;)

Mas continuando com os ovos, tenho usado sempre o mesmo formato base - um invólucro de chocolate recheado com quark de sabor (como é bem espesso resulta na perfeição).

Os primeiros que fiz foram, é claro...

Ovos de Baunilha



Já se sabe que o primeiro recheio tinha de ser o quark de baunilha do Lidl que entretanto desapareceu do mapa, mas não vamos falar disso, é um tema sensível. Para cada ovo usei aproximadamente:

-15g de chocolate negro
-70g de quark de baunilha
-15g de chocolate negro

Fiz 5 ovos, mas deixo as quantidades individuais para ser mais fácil adaptarem à quantidade que querem fazer.

Quanto ao procedimento, é fácil de adivinhar: derreti a primeira parte do chocolate, cobri com ele a forma e deixei solidificar. Depois coloquei dentro o quark e cobri-o com a segunda parte do chocolate (também derretido, claro).

Saíram surpreendentemente bem para primeira experiência - confesso que ao tirar o primeiro da forma estava com *algum* medo que partisse, mas saíram todos sem problemas, até porque são bastante massivos densos :P

Provavelmente neste momento estão a perguntar-se como estes belos ovos ficariam enquanto topping de papas de aveia (se esse pensamento não vos pensou pela cabeça estão a viver errado).

...E a resposta é que ficam maravilhosos, mas acho que já sabiam disso antes de sequer terem pensado na possibilidade :P

Perfeição < 3
Usei a minha receita de papas cremosas com aveia de sabor e parecia que estava a comer uma sobremesa pecaminosa ao pequeno-almoço (desmancha-prazeres dirão que estava a comer uma sobremesa pecaminosa ao pequeno-almoço, mas é preciso ignorar esse tipo de negatividade para ser feliz :P). A mistura das papas quentinhas com o chocolate derretido e o iogurte fresco fica só divinal! Têm definitivamente de experimentar isto pelo menos uma vez na vida. ;)

Depois do sucesso dos primeiros ovos atrevi-me nuns com dupla camada de chocolate, com clara inspiração nos gelados double da Magnum. E pronto, todos os que fiz a seguir tiverem de ser duplos porque depois de uma pessoa provar isto não há volta a dar :P

Os últimos que fiz (ontem) foram estes:

Ovos de Coco e Chocolate Branco


Vejam bem esta perfeição :D

No caso destas versões 'duplas', a sequência (novamente com as quantidades por ovo) é a seguinte:

-10g de chocolate negro
-10g de creme
-10g de chocolate negro
-60g de quark de sabor
-15g de chocolate negro

O procedimento é semelhante e novamente óbvio. Além de levar a forma ao frigorífico após as camadas de chocolate, também o fiz após colocar a camada de creme, para este ganhar consistência.

Para ser mais fácil espalhá-los, coloquei os cremes em banho maria antes de usar - ou seja, transferi a porção que ia usar para um copinho e coloquei o copinho dentro de uma malga com água quente.

Claro que falta uma parte importante - que cremes usei? E a resposta é...

Os maravilhosos cremes que a EU Nutrition lançou o mês passado :D
Ainda não tinha falado deles aqui no blog, mas se me seguem nas redes sociais já sabem que é a hype do momento. São uns cremes de barrar sem açúcar e com um extra de proteína e são só a melhor coisa de sempre. Deixo que julguem por vocês:

Melhor coisa de sempre, certo?

Eu avisei. ;)

Estão disponíveis em 4 sabores: chocolate branco, chocolate e avelãs (este chama-se eutella :P), framboesa e caramelo salgado.

De momento se me obrigassem a escolher um preferido (o que seria bastante cruel) diria que era o de caramelo salgado, porque além de ser maravilhoso é um sabor diferente do habitual. Mas são todos incrivelmente bons - o de chocolate e avelãs lembra mesmo Nutella, o de framboesa parece um rebuçado/sugo e o de chocolate branco sabe ao recheio dos chocolates kinder! 

Claro que vão ter direito a um post só para eles aqui no blog, mas deixo já a sugestão para não ficarem a perder uma coisa tão boa até lá :P Se quiserem encomendar, já sabem que como tenho parceria com a marca o meu cupão, euavela15, vos dá 15% de desconto e ofertas. As ofertas desta semana são estas:


E encontram os cremes aqui :)

...Mas continuando: neste caso usei, é claro, o creme de chocolate branco entre as primeiras duas camadas de chocolate. O quark que usei neste caso foi o de coco da Lindahls. Ainda acrescentei um bocadinho de coco ralado na primeira camada de chocolate (misturei com o chocolate derretido), mas não se nota muito :P

Ficaram uns ovinhos maravilhosos, como seria de esperar - se a combinação coco + chocolate branco já é boa de si, imaginem em ovos de chocolate. Rebentam escalas. ;)

Novamente, claro...

Isto aconteceu :P

*babar*
Desta vez as papas foram zoats feitas com aveia de coco (também da EU). Sem surpresas, ficaram deliciosas :)

Passando para os seguintes...

Ovos de Framboesa



Nesta versão usei o creme de framboesa e o quark de framboesa do Lidl. Eu nem costumo ser a maior fã da mistura de chocolate com fruta, mas ficaram mesmo bons! O contraste do chocolate semi-amargo com o doce do creme de framboesa e do quark ficou simplesmente divinal. Lembrou-me imenso de Pim's de framboesa!

Infelizmente não comi estes em papas - imperdoável, eu sei :P

Ovos de Caramelo Salgado e Stracciatella


Já se sabe que o melhor fica para o fim, por isso termino o post com estes, feitos com o creme de caramelo salgado e quark de stracciatella da Lindahls :)

Para criar mesmo uma explosão de caramelo, ainda usei chocolate negro com pepitas de caramelo salgado.

Não sei se dá para ver, mas... Ficaram divinais :D

Estes é que não podia mesmo deixar de colocar em papas :P

Perfeição, eu bem digo!
Estas são novamente zoats, com aveia de maçã e canela :)

Estas foram as versões que fiz, mas claro que podem ainda inventar outras; por exemplo, manteiga de amendoim ou de outro fruto seco entre as camadas de chocolate deve ficar ótima, e além do quark podem rechear com outras coisas como mousse ou até bolo em pedacinhos.

Mas pronto, acho que já chega de fotos pecaminosas por hoje! Espero que tenham gostado das minhas sugestões de Páscoa. Provavelmente não gostaram tanto do post sobre os ovos como eu gostei de os fazer e comer, mas a vida é mesmo assim :P 

Comentários

  1. Ficaram lindíssimos!
    E é até giro para oferecer =)

    Depois, grande giveaway =D

    E por fim, eu quero ver se compro a Eutella =P para oferecer à minha Mana.

    Beijocas

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares deste blogue

As Panquecas Perfeitas! (Saudável, Sem Gordura Adicionada, Sem Glúten)

Desde que tenho o blog já experimentei muitas receitas de panquecas, e já publiquei várias delas. Algumas foram particularmente bem-sucedidas: as de aveia com quark, as de weetabix e as de coco já foram feitas (e aprovadas) por muita gente que me veio dar o seu feedback.
Outras tornaram-se em clássicos por aqui, e foram repetidas imensas vezes por mim desde que as publiquei; é o caso das panquecas com aveia de sabor e das de aveia e centeio.
Mesmo as panquecas de abóbora, uma das últimas receitas que publiquei, foram bastante apreciadas (por mim e por quem já experimentou e partilhou a sua opinião).
E gostei bastante de todas estas receitas, até porque só publico no blog coisas de que tenha gostado realmente. Mas, as receitas antigas que me desculpem, hoje não venho partilhar uma receita de panquecas 'boa', nem sequer muito boa. Hoje venho partilhar A receita, capaz de revolucionar por completo a forma como vêem as panquecas.
Apenas as fiz hoje, mas tive de publicar rapidamen…

Papas de Aveia com Claras (com aveia de sabor) (Saudável, Sem Lactose*, Sem Açúcar/Gordura Adicionados)

Já ouvi relatos mirabolantes de desastres na cozinha. Mesmo sendo óbvio que esta é basicamente um aglomerado de aparelhos potencialmente perigosos, continua a surpreender a quantidade de histórias incríveis que sobre ela há: seja sobre panelas de pressão a explodir ou desastres no fogão que originam mini incêndios, praticamente toda a gente tem algumas histórias para contar nesta divisão. Considerando isto, acho que até tenho tido alguma sorte. Tirando os óbvios e nada originais cortes e queimaduras, não me aconteceu nada de especial. A menos que consideremos... O incidente do gelado frito. Tudo começou com um inocente pedido de gelado frito para sobremesa num restaurante chinês. Tinha começado há pouco a cozinhar mais sobremesas, apenas com bolos simples, e decidi depois replicar a receita em casa, o que requeria um tacho de óleo a ferver e a necessidade de colocar e retirar rapidamente bolas de gelado deste para que não derretessem - nada fora do comum até aqui, portanto. Por muito…

Pudim Flan Proteico (Saudável, Sem Açúcar/Gordura Adicionados)

Se antes tinha um ódio de estimação por gelatina, de tal forma que o cheiro me deixava enjoada (especialmente quando quente), num passado recente os meus gostos nesse campo deram uma volta de 180 graus. Isto ocorreu em grande parte devido às gomas de fruta caseiras, que faço várias vezes por semana e consumo diariamente. Até acertar com a receita tive algumas 'fornadas' sofríveis que, confesso, custaram a acabar - mas depois de chegar à fórmula ideal nunca mais olhei para trás, e ando há meses viciada nas minhas gominhas, sem sinal de mudança à vista :)  Desta forma, não é de estranhar que me veja encorajada a fazer mais experiências com gelatina entre os ingredientes. Ultimamente, e em particular depois do sucesso do leite creme proteico, andava com a ideia de fazer uma espécie de pudim flan instantâneo mesmo simples: apenas leite, whey e gelatina para solidificar. Se por um lado me parecia que uma ideia tão simples estava a pedir para ser testada, por outro custava-me acre…