Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Junho, 2016

Pão de Batata-Doce e Milho (Saudável, Sem Açúcar Adicionado, Sem Glúten/Lactose)

Desde o primeiro contacto desagradável que tive com a batata-doce já a cozinhei imensas vezes de formas deliciosas, assumindo-me assim como uma fã do famoso tubérculo (eu sei, melhor nome ainda está para lhe ser atribuído). Já a cozinhei no forno, no fogão e até no microondas, em vários acompanhamentos e diferentes pratos principais... Mas até agora só fiz uma mísera receita doce com ela. Pode parecer estranho, dada a minha clara inclinação para receitas doces - esta batata é largamente usada quer na pastelaria tradicional quer na adaptação de determinados doces a saudáveis, por estar associada a uma alimentação correta. E aqui estou eu, adepta de ambas, a admitir que sou uma degenerada enquanto tal. A verdade é que, como já disse por aqui, traumáticas experiências passadas provocam em mim um enorme medo de que doces feitos com ingredientes particulares (e não falo só de batata-doce: aqui inclui-se feijão, abóbora, espinafres e todas as outras coisas que as pessoas aventureiras

Coquinhos (3 ingredientes) (Sem Glúten/Lactose, Sem Açúcar/Gordura Adicionados, Paleo)

Não sei se conhecem o pocket . Basicamente, é um site/aplicação que permite guardar páginas e artigos que se encontrem na Internet através dos seus links, permitindo depois organizar tudo por etiquetas, favoritos, etc. Funciona como um ótimo descargo de consciência - estão a ver aquela receita para que olham e dizem 'tenho de fazer' quando sabem de antemão que se vão esquecer dela? Com o pocket podem certificar-se de que não se esquecem, o que é bem útil - até determinado ponto. Há eventualmente uma linha a ser ultrapassada, na passagem do 'vou guardar aqui meia dúzia de ideias para experimentar' para 'vou guardar todas as receitas que me aparecem à frente e esperar que um eu futuro extremamente dedicado tire um ano sabático para as experimentar todas'. Com mais de cinco milhares de receitas guardadas, acho que tenho de confessar que me encaixo na segunda categoria. Tenho ainda uma 'lista imediata', onde vou guardando as receitas quando não me apetece

Produtos #4 - Produtos Variados da Prozis

Não sendo apologista de publicidade desmedida em blogs, achei pertinente esta 'campanha' da Prozis através da Primetag, pelo que este post está associado a ambas (embora, como sempre, as opiniões sejam minhas). Uma vez que nas últimas encomendas experimentei alguns produtos novos (e alguns já clássicos, como as Quest Bars) que vos queria dar a mostrar, aproveito esta oportunidade para o fazer. Caso tenham vergonhosamente falhado o post sobre a loja online, podem vê-lo aqui . Agora em particular podem usufruir de um desconto de 15% em várias marcas* utilizando o código PRIME-15, assim como de vários outros que podem consultar no site. Estes produtos são alguns que já provei ou vou/quero fazê-lo. Basta, em qualquer uma das imagens, carregarem naquele em que estão interessados para serem direcionados à página deste no site da Prozis, onde podem encomendá-lo ou apenas ver a informação nutricional, ingredientes e opiniões de alguns clientes. Agora, como eu sei que vocês

Produtos #3 - Cereais de Pequeno-Almoço

Aqui estou eu novamente com um post de produtos, desta vez sobre um tema altamente inovador e inexplorado: cereais de pequeno-almoço (segurem esses queixos).  A esmagadora maioria das opções disponíveis de cereais deste género está carregada de açúcar, farinha refinada e muitos outros aditivos - como diria um René Descartes moderno e fit , 'para examinar a verdade, é necessário, uma vez na vida, colocar todas as coisas  todos os cereais em dúvida o máximo possível'. Longe de mim passar horas a escrever um post desnecessário com fotos de cada tipo de cereal pouco saudável disponível no mercado  contradizer o renomado filósofo, ao invés de começar a enumerar todas as opções de cereais não saudáveis vou mencionar apenas as que considero que são.  *olhar de aprovação* (foto d aqui ) Se repararem bem, é ele quem está na capa dos cereais da 'Quaker'... :P Assim sendo, só em jeito de esclarecimento e porque já sei o quanto precisam dele, deixo um pequeno diálo

Papas de Weetabix (Saudável, Sem Gordura/Açúcar Adicionado, Sem Lactose, Vegan)

Antes de provar papas de aveia pela primeira vez achava o conceito um pouco estranho. A palavra 'papas', como é óbvio, não ajudava, e na altura nem sequer estava muito familiarizada com a aveia de todo. Quando decidi experimentar, procurei receitas na internet e escolhi uma à sorte - usei casca de limão e um pau de canela, ingredientes que são recorrentes na maior parte das versões mas que entretanto deixei de usar. A partir daí deu-se o encantamento clássico de quem prova uma receita tão boa, que me fez preparar papas de aveia praticamente todos os dias ao pequeno-almoço. Desenvolvi um conjunto considerável de receitas, e eventualmente cheguei ao pensamento que obrigatoriamente se seguia: 'se resulta com aveia, deve resultar com outros cereais... Certo?'. A maior parte das experiências revelaram uma resposta positiva, e com o entusiasmo comecei a variar imenso o estilo de papas. Experimentei papas de centeio, de espelta e de trigo integral, apreciando bastante t

Tarte de Nata

Há uns tempos andava viciada em fazer muffins - depois de finalmente encontrar formas de papel a que não se colavam e um tabuleiro em que estas coubessem, aproveitava a maré de bons resultados para colocar um tabuleiro deles no forno todas as semanas, utilizando quase sempre uma receita  com sabores diferentes: desde laranja até coco, passando por chocolate e por queijo... Quase esgotei as opções possíveis. Adorava olhar para o forno no fim do tempo de cozedura e vê-los altinhos e dourados, exceto quando transbordavam (porque limpar o forno depois de um incidente com muffins é quase tão mau como limpar o microondas depois de um incidente com papas de aveia, e acho que posso dizer com confiança que esse é o pior pesadelo de todos nós). Depois de semanas disto, num dia em que estava a preparar um novo tabuleiro deles, a minha avó (uma das minhas cobaias) veio perguntar-me se eram os mesmos de sempre . Quando eu fazia fornadas diferentes todas as semanas . (Espero que concordem que ta

Tarte de Amêndoa Caramelizada (Saudável, Sem Glúten/Lactose, Sem Açúcar Adicionado)

Como já mencionei por aqui, eu e o mel temos as nossas desavenças. Para além do óbvio motivo que constitui a sua origem (eu sei que as abelhas são úteis e necessárias, mas não parecem tão úteis e necessárias quando se pavoneiam demasiado perto de nós), nunca fui particularmente fã do sabor. Primeiro houve o clássico desgosto de uma criança que prova mel com expectativas altas. Era por aquilo que o Winnie de Pooh entrava em parafuso? Ainda tenho cicatrizes de tal revelação, para além dos problemas de confiança com ursos - nunca mais consegui aproximar-me de uma loja Natura. (Estou a brincar, como é óbvio. Os ursos das lojas Natura são a melhor coisa de sempre, toda a gente sabe disso.) Depois eu e o mel seguimos os nossos cursos distantes. Raramente o comprava ou provava, convencida de que não era fã. Eventualmente, como não sou apologista do uso de adoçantes artificiais, comecei a adotá-lo nas receitas de bolos saudáveis, prática que se tornou frequente. Dado o preço absurdo