sexta-feira, 16 de novembro de 2018

Produtos #62 - Quark de Sabores da Milbona (Lidl)



Já sabem que ando sempre a par das novidades dos iogurtes, por isso tinha de comprar estes novos 'quarks' de sabor da Milbona para experimentar. E claro, não podia deixar de partilhar a minha opinião com vocês :)

(Não me venham dizer que não é iogurte, para mim vai dar ao mesmo :P)

Para quem não conhece ainda, são versões com sabor do famoso 'quark' ou queijo fresco batido e encontram-se no Lidl (a marca é exclusiva de lá). A consistência é, de forma idêntica, bastante espessa; a nível nutricional até são um pouco melhores que o quark normal, com muita proteína e pouca gordura e açúcar. Ao contrário dos skyr, não têm calda, são completamente uniformes.

Estão disponíveis nos sabores baunilha, morango, framboesa e pêssego e maracujá. As embalagens são individuais (mas bastante generosas; têm 180g e uma quantidade mais do que simpática de proteína) e cada uma custa 0,89€.

Não sendo um preço baixíssimo, está dentro do comum para 'iogurtes proteicos' deste género. Se compararmos meramente quantidades o quark normal ganha, visto que a embalagem de 500g fica pelo mesmo preço, mas é um produto bastante diferente - além de estes serem mais ricos em proteína, o sabor não tem nada a ver. Eu pessoalmente gosto do quark natural, mas de um modo diferente. Estes novos parecem mais sobremesas, o que é incrível para o perfil de macronutrientes que têm.

Claro que, se o vosso principal objetivo for poupar, o quark natural é melhor opção (além do mais, não tem os aditivos que estes têm). No entanto, também é importante incluir na alimentação alimentos de que se goste (dentro do possível), e não me parece absurdo pagar um pouco mais por esta versão se gostarem e estiverem dispostos a isso :)

Deixo já a foto de um dos rótulos, para quem está interessado:

Perfil de macronutrientes
Como podem ver, a tabela é até surpreendente. Cada embalagem tem cerca de 22,5g de proteína - penso que nunca tinha visto um iogurte tão rico em proteína e, além disso, baixo em hidratos de carbono e açúcar. Supera inclusivamente os skyr :P

Perguntam-me muitas vezes porque é que iogurtes deste género continuam a ter açúcar/hidratos se não são adicionados; estes provêm do leite, são naturalmente presentes. É muito difícil encontrar um iogurte com menos do que isto, a maior parte até tem mais (~5g/100g de produto). Os iogurtes já têm menos lactose (açúcar) do que o leite, devido à fermentação, mas esta não é completamente eliminada. A título de curiosidade, mesmo os iogurtes sem lactose têm açúcar naturalmente presente, porque a lactose não é 'retirada', está simplesmente dividida em glucose + galactose.

Continuando, depois do momento informativo do post :P O iogurte também não tem quase nenhuma gordura, visto que é desnatado. Concluindo: a nível de macronutrientes, melhor é difícil.

Lista de ingredientes
Quanto aos ingredientes, é claro que não são 'tão bons' quanto os do quark normal, uma vez que estes são de sabores. No entanto, também não incluem nada de dramático; sei que há uma tendência a demonizar os adoçantes, e eu também já cheguei a evitá-los a todo o custo, mas atualmente acho que o ódio contra estes é exagerado. Esta é só a minha opinião, mas acho que podem ser uma boa opção para reduzir o consumo de açúcar e calorias sem comer coisas de que não se gosta, como para muita gente é o caso dos iogurtes naturais. Eu pessoalmente adoro iogurtes naturais, mas também gosto de variar :) Claro que é preciso moderação, como em tudo, mas quando virem manchetes a dizer que 'adoçantes causam cancro'... Leiam com sentido crítico :P

As fotos do rótulo que mostrei pertecem ao de baunilha, mas os dos restantes sabores são muito semelhantes. De qualquer forma, deixo abaixo as tabelas / listas de ingredientes que faltam para quem estiver interessado. Agora segue-se o ranking do costume, com a minha opinião acerca de cada um dos sabores :)

1º - Baunilha



Quando soube que havia versão de baunilha fiquei logo entusiasmada, adoro iogurtes de baunilha :P Claro que foi o meu preferido, não desiludiu nem um bocadinho. Tem uma textura densa (mas ao mesmo tempo menos 'pastosa' que a dos skyr, por exemplo) e um sabor leve mas agradável a baunilha. Parece quase um pudim refrigerado ou qualquer coisa do género!


2º - Morango





Sim, é verdade, eu - que deixo sempre as coisas com sabor a morango em último lugar nos rankings - achei o de morango o segundo melhor sabor :P Mas este é realmente muito bom! Embora não tenha propriamente pedaços, tem alguns bocadinhos de morango que ficam agradáveis, e o sabor lembra iogurtes tipo danoninho. Em suma, é delicioso :)


3º - Framboesa





O de framboesa acaba por ser semelhante ao de morango. Também tem algumas sementes caraterísticas do fruto, e um sabor leve mas agradável que combina bem com a textura.


4º - Pêssego e Maracujá





Este acabou por ficar para último. É um pouco menos 'impressionante', na minha opinião - até porque acho que este tipo de textura densa combina melhor com o sabor dos frutos vermelhos, não sei porquê!
No entanto, não é mau de todo - é também bastante agradável. Como sempre, sabe praticamente só a pêssego, ainda estou para provar um iogurte de pêssego e maracujá em que se note o sabor do maracujá :P


São estes os 4 sabores disponíveis - e ainda bem que são só 4, porque o post já ficou com um exagero de fotos :P Em resumo, ficaram mais do que aprovados! Embora seja difícil avaliar imparcialmente por serem novidade, diria que os prefiro ao skyr de sabores; embora também seja fã, prefiro a textura e sabor destes. Acho que não tendo calda se tornam menos enjoativos, e o sabor parece-me mais 'natural'! O facto de não existir versão de baunilha também não abona nada em favor da team skyr... ;)

Espero que tenham achado a informação útil, e se provarem digam-me o que acham! Fui só eu que gostei tanto, ou é geral? :P

quinta-feira, 15 de novembro de 2018

Cheesecake de Abóbora e Nozes (Saudável, Sem Glúten, Sem Lactose)


Provavelmente já estarão fartos de ver cheesecakes saudáveis por aqui, mas o meu entusiasmo pela 'fórmula' do recheio ainda não desvaneceu - nunca pensei encontrar uma receita saudável de cheesecake que fosse tão boa! Ainda por cima é mesmo simples, ao ponto de não me apetecer fazer versões 'não saudáveis' - com gordura e açúcar - porque dão muito mais trabalho e não ficam melhores.
Desta vez saiu um cheesecake mais outonal, com puré de abóbora no recheio e uma cobertura de nozes e chocolate negro. Espero que gostem :)






Cheesecake de Abóbora e Nozes (Saudável, Sem Glúten, Sem Lactose)

Ingredientes:

Para a base:
[  100g de farinha de aveia (certificada sem glúten para a versão sem glúten)
[  1 colher de sopa de mel
[  2 colheres de sopa de azeite

Para a camada de queijo:
[  4 ovos
[  2 scoops de whey* (sem lactose ou sem glúten para estas versões)
[  400g de queijo quark (também conhecido por queijo fresco batido; podem substituir por iogurte - mesmo que vegetal - desde que este seja bastante consistente)
[  200g de puré de abóbora (para fazer o puré cozi abóbora menina em água com canela, cravinho e noz-moscada, escorri e triturei)
[  2 colheres de sopa de polvilho doce (cerca de 30g)

Para a cobertura:
[  100g de nozes
[  50g de chocolate negro

Preparação:

Para a base:
| Juntar todos os ingredientes e misturar bem.
| Colocar a mistura numa forma pequena, espalhá-la por todo o fundo desta e pressioná-la para que fique mais compacta (para facilitar podem humedecer as mãos ou usar papel vegetal, de modo a que a massa não se cole às mãos).
| Levar a base ao forno pré-aquecido a 180 graus durante 10 minutos.

Para a camada de queijo:
| Bater os ovos até aumentarem de volume e ficarem com uma cor clara (cerca de 3 minutos).
| Juntar a whey e continuar a bater.
| Adicionar o queijo quark e o puré de abóbora, batendo sempre.
| Acrescentar o polvilho doce. Bater na velocidade mínima da batedeira até que esteja incorporado.
| Transferir o preparado para a forma com a base de aveia (não precisa de estar fria), levando-a novamente ao forno (ainda a 180 graus) durante aproximadamente 30 minutos.
| Retirar o cheesecake do forno, deixar arrefecer e guardá-lo no frigorífico. 

Para a cobertura:
| Partir as nozes aos pedaços e colocar por cima do cheesecake (já depois de este arrefecer).
| Derreter o chocolate negro e cobrir com ele as nozes.

*Recomendo sabores leves: baunilha, chocolate branco,... Eu usei esta, de baunilha e canela; podem encomendar com 15% de desconto se usarem o cupão euavela15.
Podem substituir por 50g de mel. Nesse caso, recomendo que o juntem aos ovos logo no início.



Ocorreu-me fazer um cheesecake de abóbora há pouco, e depois de ter a ideia fiquei a perguntar-me porque é que não me tinha lembrado dela antes - já se sabe que a adição de abóbora a uma sobremesa é sempre uma ótima ideia, certo? Se a dita sobremesa for cheesecake então nem se fala ;) Para escolher a cobertura não foi preciso pensar muito: claro que tinha de incluir nozes, e chocolate negro eleva qualquer coisa a outro patamar :)
O resultado ficou tão bom ou melhor do que estava à espera - o recheio super cremoso, com um sabor ótimo (mas leve) a abóbora, e as nozes com chocolate a serem deliciosas como é costume de nozes com chocolate :P A receita-base de cheesecake saudável mostrou-se mais uma vez perfeita. Podia declará-la infalível, mas não gosto de chegar a conclusões por indução, por isso acho que vou ter de testá-la até à exaustão... :P
____________________________________________________________________________
Informação Nutricional (por 1 fatia)
Energia: 236kcal
Proteínas: 13.7g
Hidratos de Carbono: 18.3g 
-       Dos quais açúcares: 4.3g
Lípidos: 12.6g 
-          Dos quais hidrogenados: 0.0g
-     Dos quais saturados: 2.8g
Fibra:  3.0g
Sódio:  51mg

     A informação nutricional engloba uma porção (neste caso, corresponde uma fatia ou 1/10 da receita). Os valores estão sujeitos a erro humano e a alguma imprecisão, mas deverão estar próximos do valor real. As doses consideradas são meramente exemplificativas; as porções reais devem ser adaptadas por cada um às suas necessidades pessoais.
____________________________________________________________________________

terça-feira, 13 de novembro de 2018

Receitas Testadas da Semana #76 a #83


Será que conseguem detetar uma tendência na montagem acima?... :D
Não tenho feito posts nesta rubrica porque tenho publicado menos receitas - e por isso tem havido menos gente a experimentá-las -, mas desde que publiquei a receita do bolo de cenoura no microondas com 3 ingredientes (há menos de uma semana) já 32 pessoas me contactaram para dizer que o experimentaram. Tem sido muito giro receber fotos de bolos laranjinhas praticamente todos os dias! Reparem ainda na uniformidade dos 'toppings'. #darkchocolateislife :P
De resto há mais bolos deliciosos, frango recheado, arroz, pataniscas, papas, etc. - de tudo um pouco, portanto. Deixo-vos as fotos:




Vejam a versão da Inês aqui :)








































Bolo de Chocolate com Courgette no Microondas (versão de café - com claras - aqui)









Papas com Claras (versão no microondas aqui)









Tenham uma boa semana! :)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...