quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Pipocas Caramelizadas Saudáveis (Vídeo)


Para ressuscitar o canal publiquei ontem um novo vídeo, com a receita de umas pipocas de caramelo mais saudáveis e muito viciantes! 



São inspiradas nas pipocas de maçã que já tinha publicado por aqui, mas alterei bastante a receita, por isso espreitem :)

domingo, 27 de agosto de 2017

Produtos #36 - Goma de Tapioca Hidratada


Demorei algum tempo a experimentar a famosa tapioca - comprei-a pela primeira vez há poucos meses, quando o produto apareceu como novidade no E. Leclerc. Pouco tempo depois recebi outro pacote da loja online Faz Bem, e escusado será dizer que nenhum deles durou muito tempo. ;)

De qualquer modo, fazem-me muitas  perguntas acerca do produto e pensei que poderia esclarecer algumas coisas nesta publicação. Espero que vos ajude!

Onde Comprar

Como disse, eu comprei este produto pela primeira vez no E. Leclerc. Depois também há, como disse, no Jumbo (é o supermercado que tem há mais tempo, mas não tenho nenhum perto, daí não ter comprado antes), e penso que o Pingo Doce também vende. O celeiro também tem, embora seja de uma marca diferente (nas restantes lojas a que está à venda é sempre a da imagem abaixo, 'da terrinha').

P.S.: Pelo que algumas pessoas me disseram também já há no Continente. Houve igualmente quem me dissesse que comprou no Lidl, mas penso que neste último a goma foi parte de uma campanha provisória (por isso imagino que não esteja em stock de forma permanente).


Caso não tenham acesso a estas lojas físicas ou não vos apeteça ir lá comprá-la, a goma de tapioca hidratada também pode ser encomendada online no site da Faz Bem - e devido à minha parceria com a marca podem usufruir de 20% de desconto na compra usando o cupão avela. Assim já não têm a desculpa do 'não encontro'. ;)

Validade

Apesar de em embalagem fechada durar algum tempo (não tenho a certeza quanto, mas pelo menos alguns meses) depois de abrir a recomendação é consumir dentro de 5 dias. Provavelmente podem deixar mais 1 ou 2 dias sem problemas, mas mais do que isso não convém!

Como cada embalagem dá para bastantes tapiocas (para mim dá-me para cerca de 10) às vezes torna-se difícil gastar uma inteira neste intervalo de tempo. Se não conseguirem fazê-lo experimentem congelar - eu nunca tentei, mas sei que há muita gente que faz isso! Basta colocarem a goma em saquinhos individuais no congelador e depois retirarem algumas horas antes de usar (podem deixar durante a noite, por exemplo). :)

Preço

O preço da tapioca 'da Terrinha' costuma rondar os 3,90€ por pacote de 500g (o da foto) - sei que este é o preço no E. Leclerc, e tenho a ideia de que nos outros supermercados é mais ou menos a mesma coisa. No site da Faz Bem é mais elevado (4,50€), mas de qualquer modo com o desconto fica a 3,60€ :)

A do Celeiro, da marca 'Tapiofit', custa 4,50€ (a quantidade é a mesma).

Sabor e Textura

Já devem ter ouvido dizer que a tapioca não tem sabor, e é um bocado verdade. Pessoalmente acho que não ter sabor não é necessariamente mau (quem já provou fígado tem obrigação de saber isso), o pão também não tem grande sabor e a maior parte das pessoas gosta dele mesmo assim :P A tapioca é de igual forma bastante neutra, mas quando recheada consegue ficar muito saborosa. 

Quanto à textura, não é maleável como um crepe, é um bocadinho mais quebradiça e crocante :)

Ingredientes e Informação Nutricional


Apesar de a tapioca ter atingido um certo status de alimento saudável, há algumas críticas que são feitas de forma recorrente, principalmente dirigidas ao facto de ser um alimento por assim dizer 'vazio'. Não tem glúten, lactose e etc., mas também não tem nada que a torne especialmente rica; em termos de macronutrientes é constituída praticamente só por hidratos de carbono, não tendo quantidades consideráveis de proteína, fibra ou gordura. Por isto acaba por ter também um índice glicémico elevado, outra crítica feita frequentemente.

Sinceramente, acho que não vale a pena comerem se não gostam porque ouviram dizer que faz bem, porque não é o alimento mais rico de sempre - mas se gostarem inseri-la na vossa alimentação como fonte de hidratos de carbono não vai fazer de vocês pessoas menos saudáveis (se quiserem moderar o IG não custa muito juntar alguma coisa para o efeito: há imensa gente que usa sementes, por exemplo).

Os ingredientes não têm muito que saber, são apenas fécula de mandioca e água :)

Preparação


Admito que tinha algum receio em relação à preparação, porque há muita gente que não consegue fazer tapiocas que não se desfaçam nas primeiras vezes. No entanto, os meus receios mostraram-se infundados, além de não ser nada difícil fazer a tapioca é adorável ver que as bolinhas se juntaram e fizeram um crepe :P É como aquelas contas de plástico para crianças que vão ao forno e ao derreterem fazerem bonecos compactos :P

Costumo seguir as instruções do pacote: deixar aquecer a frigideira, colocar duas colheres de sopa da goma (no caso desta marca não é preciso peneirar, mas há outras que indicam que devem fazê-lo) e esperar cerca de dois minutos. Claro que a quantidade de goma que devem usar vai depender do tamanho da frigideira - a minha é pequena, por isso uso apenas as duas colheres (~40g). Não é preciso virar e cozinhar do outro lado, quando estiver coesa é só rechear, dobrar e passar para um prato :) Sugerem deixar mais 30 segundos no lume depois de dobrar, mas isso é no caso de terem um recheio que querem que aqueça/derreta, como chocolate, queijo,...

FAQs

Visto que me fazem muitas perguntas sobre a tapioca, vou deixar aqui um segmento de perguntas e respostas que considero esclarecedor.

Posso fazer tapioca com polvilho doce?
Não.

Azedo?
Não.

E com fécula de mandioca?  
Não.

Pérolas de mandioca?
Não.

E, caso ainda não tenham percebido a ideia:

Quando pus a minha goma de tapioca na frigideira ela ficou nada coesa, no fim parecia uma farinha queimada. Porquê?
Porque não era goma de tapioca. ;)

(Há pessoas que hidratam os polvilhos, por exemplo, para depois fazerem tapioca. No entanto, se o puserem na frigideira diretamente, sem hidratar primeiro, não resulta mesmo.)

E agora que já esclarecemos este assunto importante, vamos passar para as sugestões de recheio.

Ovos Estrelados


Este é o meu recheio preferido - a gema líquida dos ovos fica mesmo bem na tapioca. Costumo fazê-los em óleo de coco, ficam deliciosos :)

'Tapiovo'


Tapiovo não é exatamente um recheio, é o nome que se dá à tapioca recheada desta forma. Para  o preparar é só colocar um ovo batido por cima da tapioca quando esta já estiver coesa, tampar a frigideira e deixar que o ovo coza. Depois juntam uma fatia de queijo (obrigatório), dobram e está pronto :) Também há quem faça com o ovo inteiro, por bater.

Ovos Mexidos e Queijo


Neste caso fiz os ovos mexidos como normalmente e usei-os como recheio, juntamente com a imprescindível fatia de queijo, claro. ;)


Ovos Cozidos e Queijo


Eu sei que são imensas sugestões com ovos e queijo, mas o que é que se pode fazer, tapioca com ovos e queijo fica deliciosa :P Aqui aproveitei uns ovos que tinha já cozidos :)

Ricotta, Mozzarela, Espinafres e ainda mais Queijo


Lembram-se daqueles dias mais quentes deste Verão, em que uma pessoa podia fritar um ovo estrelado no chão se lhe apetecesse? Num deles eu tinha decidido fazer lasanha de ricotta e espinafres, mas quando chegou a altura não me apetecia nada ligar o forno. 
Então decidi usar o recheio que tinha feito para a lasanha nas tapiocas (coloquei também um pouco de queijo ralado por cima). Rendeu 4 tapiocas muito bem recheadas - o recheio dava à vontade para o dobro delas, como podem ver pela foto :P -, e por acaso estavam deliciosas :)

Queijo Creme e Salmão Fumado


Para um dia mais quente esta versão também é ótima por não exigir grande trabalho e ser fresquinha! E a textura crocante da tapioca combina mesmo bem com o queijo cremoso e o salmão... Mas eu sou suspeita, porque adoro salmão fumado. ;)

Banana e Manteiga de Amendoim


Já sabiam que era uma questão de tempo até aparecerem as sugestões com manteiga de amendoim, certo? :P Esta não podia faltar, é uma das melhores combinações de sempre!
Doce e Manteiga de Amendoim


E pronto, a última - manteiga de amendoim com doce de framboesa :) A manteiga de amendoim que uso é sempre a mesma, este doce foi um que fiz com framboesas e sementes de chia (sem ir ao fogão, só para durar alguns dias).

Até à próxima! :)

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Waffle de Banana com Skyr (Saudável, Sem Açúcar Adicionado, Sem Gordura Adicionada, Sem Glúten)


Há uns tempos recebi da derovo algo que nunca tinha experimentado, claras de ovo em pó. É um produto com potencial: após aberto dura muito mais do que as claras (mesmo as pasteurizadas) e hidratando o pó podemos em teoria fazer tudo o que fazemos com as próprias claras. Admito que mesmo assim estava um pouco cética - pensei que talvez na prática as coisas não funcionassem tão bem, especialmente tratando-se de receitas mais delicadas.
Depois de algumas coisas mais básicas, como omeletes, decidi pôr o produto à prova utilizando-o para fazer fazer papas de aveia com sabor, uma das receitas mais exigentes com as claras (não costuma funcionar com claras retiradas diretamente do ovo!). Para minha surpresa resultou muito bem - e então, num surto de coragem que este sucesso proporcionou, experimentei também bater as claras em pó hidratadas em castelo. 
E pronto, esta é a curta história de como risquei mais um item da minha lista de coisas a fazer antes de morrer: ver claras em pó (é muito mais agradável do que parece) e batê-las em castelo. Eu, que nem sequer tinha uma lista de coisas a fazer antes de morrer.
Sugiro que experimentem: de certeza que também está na vossa lista. Mesmo que ainda não tenham descoberto. ;)




Waffles de Banana com Skyr

Ingredientes:
[  1 banana média (100g)
[  30g de aveia
[  1 skyr (150g; podem substituir por outro iogurte bem simples)
[  10g de claras em pó (1 colher de chá muito bem cheia; usei as da fullprotein)*
[  30ml de água

Preparação:
| Utilizando um processador, uma liquidificadora ou uma varinha mágica, triturar todos os ingredientes (banana, aveia, skyr, claras e água).
| Colocar a massa numa forma de waffles (ou outra, desde que o tamanho seja adequado) e levar ao forno pré-aquecido a 180 graus durante cerca de 20 minutos (o tempo pode variar de acordo com a forma usada, claro).

*Podem usar 1 clara normal em vez das claras em pó e omitir a água.


Achei o sabor dos waffles muito agradável e diferente do costume: nota-se bem o travo do iogurte, porque os skyr têm um sabor algo forte tirando os do Continente que são horríveis, e por isso ficam a saber a danoninho de banana :P Soa estranho, mas é delicioso, confiem em mim. ;)
A textura também é incrível, lembra uma queijada (e vocês sabem que não é à toa que eu digo que alguma coisa parece uma queijada, sobremesa detentora da melhor textura de todo o sempre)!
____________________________________________________________________________
Informação Nutricional (por meio waffle)
Energia: 154kcal
Proteínas: 12.3g
Hidratos de Carbono: 24.8g 
-       Dos quais açúcares: 9.5g
Lípidos: 1.2g 
-          Dos quais hidrogenados: 0.0g
-     Dos quais saturados: 0.2g
Fibra:  2.8g
Sódio: 31mg

     A informação nutricional engloba uma porção (neste caso, corresponde a 1 dose ou metade da receita). Os valores estão sujeitos a erro humano e a alguma imprecisão, mas deverão estar próximos do valor real. 
____________________________________________________________________________

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Resumo dos Tempos de Ausência #3 - Parte 2


Hoje venho partilhar convosco mais algumas fotos das férias (ler a parte 1 é obrigatório, portanto se não o fizeram cliquem aqui). Vou começar com fotos do gatinho do costume, porque de certeza que tiveram saudades dele ;)

Adorável
É um gato sem dono que vem sempre visitar-me quando estou por lá. Eu dou-lhe de comer/beber e tiro-lhe imensas fotos até um de nós se fartar :P

Desta vez aproximou-se de um muro ao afastar-se e eu comecei logo a rezar para que ele fizesse aquela coisa adorável que os gatos fazem de trepar paredes altas com uma facilidade impressionante - e, adivinhem, fez.

Não sem antes posar de forma misteriosa e dramática, claro.
Na verdade estava a coçar-se
Claro que nessa altura fiz questão de documentar o momento.





Este é o momento em que me agradecem por partilhar fotos de um gato a trepar um muro (vá lá, não olhem para o lado, toda a gente adora fotos de gatos a trepar muros, especialmente se terminam com os ditos gatos a saltar de rabo para o ar). ;)

Ele deve ter ficado bastante convencido com a sua saída graciosa, porque da próxima vez que apareceu estava quase dentro de casa.

Cara de este muro não me viste tu a trepar pois não
Como algumas pessoas me disseram no Instagram que a maioria dos gatos não se dava bem com leite (passa-se uma vida a sofrer enganos à conta de contos infantis e desenhos animados) decidi mudar de estratégia e dar-lhe atum.

Digamos que o gato não ficou muito triste com a mudança
Visto que arranjo o recipiente sempre à última da hora não encontrei melhor do que este, e como tinha uma forma estranha ele não chegava muito bem ao atum e tirava-o com as patas antes de comer, o que era bastante adorável :P 

(Caixa de ovos, para quem ficou a perguntar-se)

Pata em pleno processo de ir buscar mais atum
Depois pensei que como lhe dei atum e não leite talvez ele tivesse ficado com sede, por isso ofereci-lhe água, mas esta não foi recebida com grande entusiasmo.

Acho que ficou estabelecido que água está fora dos limites...
Mudando de tema: Algumas compras no Carrefour
Estava mesmo a precisar de um descascador - alguém deitou o meu anterior ao lixo juntamente com cascas de vegetais (avós) e já não vivo sem um. As formas vieram só mesmo porque são adoráveis, já tenho planos para fazer tarteletes saudáveis :P


Apesar de não gostar muito de usar este tipo de coisas com frequência (levar recipientes de plástico ao microondas não me agrada muito) trouxe estas duas embalagens para experimentar, até porque são muito práticas. Passado algum tempo fiz a quinoa:


Bom aspeto, certo?
Errado - mau aspeto, muito mau aspeto. Eu já comi quinoa várias vezes antes e nem uma vez ela sabia tão mal quanto esta, fiquei quase a vomitar... Até o cheiro era estranho, e acho que não estava estragada (além de estar bem dentro de data o outro pacote era igual). Só não ganhou o título de alimento com pior cheiro das férias porque cheguei a abrir um pacote de tofu estragado - vocês fazem ideia do cheiro que tem tofu estragado? Não queiram, há ETARs que cheiram melhor.

Mas falando de assuntos mais felizes...

Algum pão também do Carrefour.
Comprei estes pães para desenrascar e gostei muito, apesar de não serem grande coisa nutricionalmente são práticos e muito agradáveis. O de baixo, de marca própria, é tipo Thins, muito fininho. Parece que este tipo de pão ganhou status de celebridade em Espanha, encontrei também um do género da marca do Froiz.


Levei algumas amostras de whey para comer de vez em quando com iogurte. Esta de chocolate e coco da EU Nutrition é muito boa, leve e nada enjoativa! :) Já sabem que devido à parceria que tenho com a marca podem comprar os produtos com 15% de desconto, é só usar o cupão euavela15.

Também experimentei algumas da Prozis que tinha há séculos, de vários sabores.



Crème Brûlée

Chocolate e amendoim

Pudim de caramelo
Acho que ainda só tinha provado a de pudim de caramelo, mas gostei bastante de todas :)

Vistas bonitas
Encontrei novamente estátuas de areia, mas desta vez só tirei fotos à concorrência que surgiu este ano (também havia uma do género das dos anos anteriores, mas new is always better, certo?). Só reparei um dia quando fui correr: olhei para a praia e estava lá um monte de areia alto com várias casinhas esculpidas e um comboio à volta, tudo coberto de neve - adorável.

Já era um dos últimos dias, por isso tive de me despachar a voltar lá com um iPad uma câmara e registar em fotografia aquela obra de arte. Agradeçam-me, tive de andar 6km ao início da tarde com um calor de morrer. ;)

Ainda por cima tinha chovido entretanto, portanto a escultura não era a mesma...

...E a nova ainda só estava semi-construída - mas valeu totalmente a pena. Dediquem-se a imaginar o resto. ;)
Por falar em correr - acho que já mencionei aqui que tinha parado, mas voltei a correr 3 vezes por semana (o que uma vista para o mar e passeios arranjadinhos não fazem a uma pessoa). Tinha parado por vários motivos: o principal é que comecei a fartar-me (dêem-me um desconto, já corria há uns 5 anos sem grandes pausas), mas também tinha dores nos joelhos nas corridas mais longas, especialmente depois dos treinos para a meia-maratona, e achei melhor não insistir. 

Foi agradável voltar à rotina das corridas nestas férias, até porque as paisagens ajudam à moral. Normalmente ia correr com algum dinheiro num bolso para depois passar diretamente pelo Froiz e comprar pão.

A logística complicou-se nos dias de chuva, admito. E sim, o fundo é uma coberta - não me culpem, eu disse que era um dia de chuva. ;)

Uma bebida fullprotein de chocolate com weetabix - combinação é maravilhosa!

Oreos proteicas da EU Nutrition
São perfeitas!

Café gelado com chantilly

Frango salteado com cogumelos. Quão bom é frango salteado com cogumelos?

Pão integral com doce de abóbora sem açúcar da Quinta de Jugais e uma bebida fria do Starbucks - já disse que estas embalagens me fascinam?

Grão-de-bico crocante
Este grão-de-bico é o que mencionei no post dos snacks de praia, do site da Faz Bem (usem o cupão avela para terem 20% de desconto). É muito crocante e saboroso :)

Kit kat chunky branco - sucumbo facilmente a versões diferentes de chocolates tradicionais, o que é que se pode fazer.
Bacalhau bastante delicioso

Mais paisagens encantadoras

Uma barrinha da Gold Nutrition que experimentei. Não a achei particularmente boa...

'Magnums' brancos salpicados de bolacha (ver 'sucumbo facilmente a versões diferentes de chocolates tradicionais, o que é que se pode fazer')

Eram muito bons!

E é isto. Eu sei que parece que nunca verão o fundo deste interminável poço de fotografias, mas já vamos a meio, sejam persistentes :P
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...