Avançar para o conteúdo principal

Produtos #75 - Chocolate 95% Cacau do Lidl (J.D. Gross)



Já sabem que sou fã de chocolates com uma percentagem de cacau próxima de 100% - um dos primeiros posts que partilhei nesta rubrica de produtos foi precisamente uma comparação entre os dois que conhecia na altura, da Lindt e da Vivani (ambos com 99%).

Não há muitas marcas que vendam chocolates deste género - presumo que por ser uma daquelas coisas que se ama ou se odeia, mas normalmente se odeia mesmo :P

Ainda assim, nos últimos tempos tem havido evoluções significativas neste campo. Entretanto já experimentei o 98% da Ethiquable, e mais recentemente comprei (mas ainda não provei) dois outros 99%: o da Jubileu e o da Hacendado (Mercadona). 

Mas o desenvolvimento mais importante foi mesmo o lançamento do 95% por parte do Lidl, sabidamente o rei dos supermercados. Adoro os produtos deles no geral e a gama de chocolates negros em particular, por isso é claro que fiquei toda contente quando vi esta novidade por lá.

Entretanto tornou-se no meu preferido entre os 4 de mais alta percentagem que já provei, e passei a não comprar mais nenhum - por isso lembrei-me que podia fazer um pequeno post sobre ele, para o dar a conhecer a quem ainda não tinha reparado na novidade. É um chocolate que merece sem dúvida a exposição :D

O preço é bem razoável para um produto algo excêntrico: 1.79€ por embalagem (125g), grande melhoria face ao da Lindt, por exemplo, que custa 3.79€ por 50g (!).

Deixo uma foto do rótulo:


Como seria de esperar, tem poucos ingredientes. Acho curioso que tenha cacau magro em pó, é uma ideia estranha incluí-lo num chocolate tão rico em cacau, que tendencialmente tem mais gordura - mas como a nível de sabor não parece ter impacto negativo consigo tolerar bem esta frescura :P

Tem também açúcar, mas muito pouco - garanto que não é de todo doce, como aliás se pode prever pelo facto de que este está presente numa percentagem inferior a 5% (e num total de apenas 2.3g por 100g).

O perfil de macronutrientes é o esperado - é principalmente fonte de gordura e tem bastante gordura saturada, proveniente do cacau.


Na foto acima podem ver os quadrados - são bem grandes, cada um com 12.5g. Têm um formato agradável; eu pelo menos gosto particularmente dos quadrados da J.D. Gross, com as bordas mais altas. Os chocolates 98% ou 99% da Lindt, Vivani e Ethiquable têm espessura homogénea e não acho tão aprazível :P


A textura é ótima: muito suave e derrete-se na boca. De todos os que referi este é de longe o que tem uma textura mais macia.

O sabor é bem intenso e amargo, sem ser frutado - o que me agrada, porque não sou fã do sabor adocicado de algumas variedades de cacau.


Basicamente, é perfeito :P Como referi, passou a ser o meu preferido de longe, tanto que deixei de comprar os outros. Se também são fãs de chocolate bem amargo, sugiro vivamente que experimentem - a relação qualidade/preço é imbatível :)

Em breve provo os do Mercadona e da Jubileu e digo o que achei. Espero que tenham gostado do post :D

Comentários

  1. Esses também foram os que me fizeram render às altas percentagens de cacau.
    Entretanto já experimentei os do Aldi ("primo" do Lidl) e também são muito bons e, antes desta fase, rondavam os 1,59€. ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já ouvi falar muito bem da gama de chocolates do Aldi, infelizmente não posso investigá-la como deve ser porque não há nenhum aqui perto :P Mas uma altura passei por lá e trouxe o de 85%, que de facto é muito bom - ficou aprovado :) Quando abrir um aqui provo os restantes, obrigada pela dica :D

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Produtos #91 - Pudins Proteicos do Lidl (Baunilha/Chocolate)

Hoje o post é sobre a febre do momento: os pudins proteicos do Lidl :P Para quem não está a par, há algumas semanas começaram a aparecer nos supermercados portugueses da cadeia Lidl uns pudins proteicos muito parecidos aos da Ehrmann. Estão disponíveis em duas versões: baunilha e chocolate . Cada pudim ( 200g ) tem cerca de 150kcal e 20g de proteína e custa 0.99€ . Não têm açúcar adicionado , e são isentos de lactose e de glúten .  Por vezes recebo comentários a referir que o teor de açúcar não é nulo (4g/100g) , mas é importante referir que este açúcar é naturalmente presente . Os iogurtes naturais não adoçados têm uma quantidade de açúcar semelhante. Outro ponto importante a referir é que a proteína também vem do leite , que é uma fonte de qualidade (por ser completa, ao contrário por exemplo do colagénio ou glúten). Antes que fiquem excessivamente entusiasmados, devo dizer que encontrá-los não é tarefa fácil: a procura anda ao nível dos skyr na altura em que foram lançados (

Produtos #69 - Pudins Proteicos da Ehrmann (Caramelo, Baunilha, Chocolate e Chocolate-Coco)

Hoje o post é sobre os famosos pudins proteicos da Ehrmann. Sempre que partilho fotos deles recebo perguntas, é infalível - seja acerca do rótulo, do preço, do sabor, dos locais de compra,... Desta forma, achei que o melhor seria escrever um post sobre eles e acabar com as dúvidas de uma vez por todas :) Começo pelas informações básicas: Locais de Compra Para já, os pudins estão disponíveis em poucas superfícies comerciais: fisicamente apenas os encontram nas lojas  Auchan e Primebody Nutrishop (há três, todas em Lisboa). Podem ainda encomendar online pelos respetivos sites, auchan.pt e primebodynutrishop.com . A cadeia Auchan só faz envios para algumas partes do território nacional, mas a Primebody envia para todo o país. Se optarem por encomendar pelo Auchan , os portes ficam a 5,90€ ; que eu saiba são fixos (acho que não há nenhum valor a partir do qual o envio seja grátis). No site da Primebody os portes ficam a 3,99€ , e são grátis para encomendas a part

As Panquecas Perfeitas! (Saudável, Sem Gordura Adicionada, Sem Glúten)

Desde que tenho o blog já experimentei muitas receitas de panquecas, e já publiquei várias delas. Algumas foram particularmente bem-sucedidas: as de aveia com quark , as de weetabix e as de coco já foram feitas (e aprovadas) por muita gente que me veio dar o seu feedback . Outras tornaram-se em clássicos por aqui, e foram repetidas imensas vezes por mim desde que as publiquei; é o caso das panquecas com aveia de sabor e das de aveia e centeio . Mesmo as panquecas de abóbora , uma das últimas receitas que publiquei, foram bastante apreciadas (por mim e por quem já experimentou e partilhou a sua opinião). E gostei bastante de todas estas receitas, até porque só publico no blog coisas de que tenha gostado realmente. Mas, as receitas antigas que me desculpem, hoje não venho partilhar uma receita de panquecas 'boa', nem sequer muito boa. Hoje venho partilhar A receita, capaz de revolucionar por completo a forma como vêem as panquecas. Apenas as fiz hoje, mas tive de p