Avançar para o conteúdo principal

Rolinhos de Alho e Ervas (Ou Rolls de Pão de Alho Tremendamente Fofinhos)


Durante a semana tive a ideia - fazer um jantar completo em rolos. Primeiro lembrei-me do óbvio prato principal, rolos de pizza. Depois ocorreu-me fazer rolos de alho para entrada, e por fim, mais tarde, cedi às evidências: não fazer rolos de canela para sobremesa seria desafiar a lógica.
Comprei as coisas. Queijo ralado, molho para pizza, orégãos e alho em pó (que já tinha, mas que gosta particularmente de ficar todo colado). Chegou o fim-de-semana e preparei-me para pôr a ideia em prática. Preparei a massa, trabalhei-a, deixei-a levedar, estendi-a. Três vezes, uma para cada sabor. E enrolei-a. Três vezes, uma para cada sabor. Finalmente cortei-a e coloquei-a em formas.
Três vezes. Uma para cada sabor.
Comecei a pensar se não seria melhor ter-me ficado pelos de pizza. E depois deixei de pensar e fui limpar a mesa com restos de farinha, massa, molho de tomate, queijo, manteiga e canela. Yum.
Lembrei-me de fazer os últimos na máquina de waffles, para não atafulhar o forno e tal. Ficaram muito bons e crocantes, além de adoráveis - a tal nível que até me parece ter compensado limpar a máquina cheia de óleo, açúcar e bocados de massa. Mas a memória já é antiga.
Transferi os de canela para um prato. Tirei fotografias. Fui ver os outros dois.
Não gosto de ter 2 tabuleiros no forno, mas desta vez teve de ser. Fui ver como estavam; pareciam prontos. Retirei-os para uma base, tirei fotografias (um monte, porque selecionar entre 300 iguais é divertido). E servi.
Apesar do desastre que poderiam insinuar as frases curtas (esta coisa do suspense está dentro de mim), acabaram por ficar todos muito bons - os de pizza tostados por cima, os de alho crocantes por baixo (alguém não repartiu muito bem o tempo em cada lugar do forno), os de canela caramelizados de ambos os lados. Bastante diferentes, mas com o facto de serem muito saborosos em comum.
Acabou por valer a pena. Senão vejam...






Rolos de Alho e Ervas
Para 30 rolinhos (2 tabuleiros)

Ingredientes:
[  240ml de água
[  2 colheres de chá bem cheias de açúcar
[  15g de fermento de padeiro seco
[  120ml de leite (de preferência gordo)
[  50g de margarina
[  1 pitada bem generosa de sal fino
[  2 ovos L
[  200g + 400g + 200g de farinha (ou conforme necessário)
[  1 colher de sopa de óleo vegetal
[  100g de manteiga com sal (podem usar de alho e ervas)
[  Alho em pó
[  Orégãos
[  Salsa

Preparação:
| Aquecer a água. Deve estar quente, mas a uma temperatura que permita manter um dedo mergulhado durante 10 segundos.
| Colocar num recipiente grande e juntar as 2 colheres de chá de açúcar e o fermento.
| Num tacho, colocar o leite e a margarina e levar a lume brando até a manteiga derreter e a mistura estar quente (mas não muito quente). Retirar do lume.
| Adicionar, no tacho, o sal.
| Transferir para o recipiente com o fermento, juntando também os ovos e 200g de farinha e misturar.
| Acrescentar 400g de farinha e incorporar.
| Enfarinhar uma superfície e colocar nela a massa. Se a massa estiver demasiado pegajosa incorporar mais farinha (eu adicionei 200g), mas não deve ficar demasiado seca, apenas moldável. Amassar durante cerca de 10 minutos; deve ficar elástica e macia. 
| Numa "bacia" grande e limpa, colocar o óleo. Rodá-la de forma a espalhar pela base e cantos o óleo.
| Pôr a massa trabalhada no recipiente untado, formando uma bola, e virá-la para que o óleo cubra toda a superfície.
| Tapar com um pano seco e deixar num sítio quente e sem correntes de ar* até dobrar de tamanho (cerca de 1 hora).
| Pressionar com as mãos para retirar parte do ar.
| Enfarinhar um balcão e, nele, dividir a massa em 2 porções.
| Estender cada uma das porções, formando retângulos com cerca de 45cm de comprimento e 25cm de largura.
| Derreter a manteiga e espalhar com um pincel ou uma colher pelos retângulos. Polvilhar com o alho em pó, orégãos e salsa.
| Enrolar os retângulos, de modo a formar um rolo com 45cm de comprimento. Selar bem o extremo a todo o comprimento do rolo, fundindo-o com este para que não se abra.
| Cortar cada rolo em cerca de 15 fatias com aproximadamente 3cm de espessura e dispô-las (deitadas, com a parte cortada para cima) nos 2 tabuleiros untados.
| Cobrir com um pano seco e deixar levedar durante mais 1 hora (deve dobrar de tamanho de novo), num local quente e sem correntes de ar*.
| Levar ao forno pré-aquecido a 180º graus durante aproximadamente 25 minutos (até estarem cozidos e dourados).

* Deixo levedar no forno desligado pré-aquecido a 50ºC.



Podem ter percebido pelos spoilers acima, mas insisto: ficaram muito bons. Com sabor a pão de alho (ou seja, delicioso), as especiarias típicas para dar aquele gosto essencial, textura estupidamente fofa de pão, uma crosta crocante inferior e um ligeiro tom dourado na parte superior... Pensei que fosse difícil replicar aquele paladar tão específico dos famosos abre-apetites para pizza (talvez seja redutor, não me odeiem os fãs acérrimos), mas ficou mesmo semelhante!
Ainda receei que ficassem 'empapados' por levedarem com a manteiga, mas não ficaram, de todo. Pelo contrário, ajudou a formar a base crocante, quase caramelizada (no bom sentido, ninguém quer caramelo com alho) que deu um toque especial.
Se sobrarem, podem guardá-los num recipiente hermeticamente fechado e aquecê-los ligeiramente antes de comer - ficam igualmente bons, se não melhores.
São uns pãezinhos salgados e leves, ideais para acompanhar um jantar ou para entrada - quem sabe, de um jantar temático de rolinhos :D
As outras receitas aparecerão por aqui também!

Comentários

  1. Ficaram mesmo apetitosos Avelã e imagino o cheirinho. Aqui em casa adoramos!

    Beijinhos e bom resto de fim de semana!

    ResponderEliminar
  2. Adoro pão de alho! Esses certamente me iriam pôr à prova! Admito, não ia resistir! Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. hummm... tenho de experimentar estes :D
    bjs

    Carla
    cromasdacozinha.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  4. Que aventura! Mas compensou, apesar da montanha de louça!
    Bom domingo.

    ResponderEliminar
  5. Que rolinhos apetitosos :D
    Beijinho

    Recanto com Tempero
    http://recantocomtempero.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  6. Ficaram bem fofinhos e ,com alho, adoro!!!!!
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  7. Adoro!! Quem não gosta? Mas assim fica com um aspecto muito mais agradável a vista, que ideia brilhante!

    ResponderEliminar
  8. Adorei! Vou agarrar a receita ;)

    beijinhos
    food&emotions
    http://fefoodemotions.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  9. Que Delicia, como você consegue ser tão prendada assim? ahaha
    Fiquei curiosa de onde vem as inspirações para cozinhar?
    Beijo
    Vandira

    ResponderEliminar
  10. Olá avelã, com o título fiquei conquistada. Alho e ervas é falar comigo! Até o meu filho já adora pão de alho (o que não é muito típico nas crianças, acho eu por ser um sabor forte). Os teus rolos teem muito bom aspecto. Acho mesmo que compensou dedicares-te aos rolinhos, mas eu nem quero imaginar, tu deves ter sujado imensa louça para essas aventuras todas!!! Parecem ser mesmo fofos esses pãezinhos. Uma excelente sugestão esta! Beijinhos grandes e boa semana***

    ResponderEliminar
  11. Aii tão bom tão bom tão bom =D
    E assim com manteiga, acabadinhos de sair do forno.. Ai ai =P

    Beijocas

    ResponderEliminar
  12. ahaha já me ri!! Que bela ideia, e eu achava que era "louca" na cozinha :) Um jantar só de rolos!! mal posso esperar pelas restantes receitinhas! Esta já me cativou!! deve ser optimo!!

    ResponderEliminar
  13. Grande ideia Avelã um jantar só de rolos, é sempre bom inovar!
    Os teus rolinhos de alho me deixaram com água na boca, o que vc partiu
    ficou lindo e fofinho do jeito que eu gosto!

    Bjs ♥

    ResponderEliminar
  14. Que lindos que ficaram :)
    Uma trabalheira compensada pela delicia que ficaram!
    Gosto imenso de pão de alho!
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  15. Bom dia minha querida!
    Eu não sou nadinha fã de alho. Se alguma comida sobressair o sabor, nem perto chego.
    Mas seu pãozinho ficou com um lindo aspecto.
    Abraços esmagadores.

    ResponderEliminar
  16. Tão bom, tão lindo, tão fofinhos esses rolinhos :D
    Que pecado! hahahaha
    Beijinho!
    Cláudia L. ♥

    ResponderEliminar
  17. Que ideia fantástica para uma entrada, e fácil de transportar se a festa for fora de casa Adorei!

    www.therasiathecook.blogspot.com

    ResponderEliminar
  18. Ui, adoro, adoro, adoro. Obrigada pela dica.

    ResponderEliminar
  19. Isso é que foi enrolar :D
    Eu adoro pão (acho que já tinha dito isto algures) por isso se este fim de semana estiver melhor desta constipação que me anda a chatear vou fazer estes rolinhos de certeza!
    Há uns tempos fui jantar à pizza hut e provei aqueles pães com manteiga de alho e queijo das entradas e fiquei viciada, tão viciada que desde aí todos os dias ao jantar ligava o forno e fazia os ditos cujos. Foi até ver que esse pão maravilhoso andava a fazer estragos na balança :D
    Estou em pulgas para ver as outras duas receitas de rolinhos, principalmente os rolos de pizza :O
    Estás aprovada no suspense, por momentos fiquei com medo de ler as frases seguintes, porque depois do trabalho todo que tiveste não queria nada que tivesse saído alguma coisa mal ;P
    P.S.: Estão com mesmo mesmo bom aspecto! :D

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Produtos #91 - Pudins Proteicos do Lidl (Baunilha/Chocolate)

Hoje o post é sobre a febre do momento: os pudins proteicos do Lidl :P Para quem não está a par, há algumas semanas começaram a aparecer nos supermercados portugueses da cadeia Lidl uns pudins proteicos muito parecidos aos da Ehrmann. Estão disponíveis em duas versões: baunilha e chocolate . Cada pudim ( 200g ) tem cerca de 150kcal e 20g de proteína e custa 0.99€ . Não têm açúcar adicionado , e são isentos de lactose e de glúten .  Por vezes recebo comentários a referir que o teor de açúcar não é nulo (4g/100g) , mas é importante referir que este açúcar é naturalmente presente . Os iogurtes naturais não adoçados têm uma quantidade de açúcar semelhante. Outro ponto importante a referir é que a proteína também vem do leite , que é uma fonte de qualidade (por ser completa, ao contrário por exemplo do colagénio ou glúten). Antes que fiquem excessivamente entusiasmados, devo dizer que encontrá-los não é tarefa fácil: a procura anda ao nível dos skyr na altura em que foram lançados (

Produtos #69 - Pudins Proteicos da Ehrmann (Caramelo, Baunilha, Chocolate e Chocolate-Coco)

Hoje o post é sobre os famosos pudins proteicos da Ehrmann. Sempre que partilho fotos deles recebo perguntas, é infalível - seja acerca do rótulo, do preço, do sabor, dos locais de compra,... Desta forma, achei que o melhor seria escrever um post sobre eles e acabar com as dúvidas de uma vez por todas :) Começo pelas informações básicas: Locais de Compra Para já, os pudins estão disponíveis em poucas superfícies comerciais: fisicamente apenas os encontram nas lojas  Auchan e Primebody Nutrishop (há três, todas em Lisboa). Podem ainda encomendar online pelos respetivos sites, auchan.pt e primebodynutrishop.com . A cadeia Auchan só faz envios para algumas partes do território nacional, mas a Primebody envia para todo o país. Se optarem por encomendar pelo Auchan , os portes ficam a 5,90€ ; que eu saiba são fixos (acho que não há nenhum valor a partir do qual o envio seja grátis). No site da Primebody os portes ficam a 3,99€ , e são grátis para encomendas a part

As Panquecas Perfeitas! (Saudável, Sem Gordura Adicionada, Sem Glúten)

Desde que tenho o blog já experimentei muitas receitas de panquecas, e já publiquei várias delas. Algumas foram particularmente bem-sucedidas: as de aveia com quark , as de weetabix e as de coco já foram feitas (e aprovadas) por muita gente que me veio dar o seu feedback . Outras tornaram-se em clássicos por aqui, e foram repetidas imensas vezes por mim desde que as publiquei; é o caso das panquecas com aveia de sabor e das de aveia e centeio . Mesmo as panquecas de abóbora , uma das últimas receitas que publiquei, foram bastante apreciadas (por mim e por quem já experimentou e partilhou a sua opinião). E gostei bastante de todas estas receitas, até porque só publico no blog coisas de que tenha gostado realmente. Mas, as receitas antigas que me desculpem, hoje não venho partilhar uma receita de panquecas 'boa', nem sequer muito boa. Hoje venho partilhar A receita, capaz de revolucionar por completo a forma como vêem as panquecas. Apenas as fiz hoje, mas tive de p