Avançar para o conteúdo principal

Preparação de Refeições #69 - Feijoada de Feijão Branco com Frango e Couve Lombarda



Ultimamente, não sei se já repararam, ando particularmente virada para feijoadas - mais especificamente, feijoadas com frango desfiado e (imensas) couves :P Não é por isso de surpreender que tenha saído daqui mais uma feijoada para os almoços da semana no passado domingo :D

Desta vez de feijão branco, para variar :)
Voltei a receber várias perguntas acerca de como faço, por isso aqui vai a explicação da praxe:

No dia anterior cozi feijão branco em água com sal e reservei a água. Cozi também peito de frango e desfiei.

No próprio dia piquei cebola, alho e pimentos e levei a refogar num fio de azeite. Pouco depois juntei tomate em pedaços e um pouco de água quente e deixei cozinhar bem. Depois triturei, adicionei água de cozer o feijão e temperei com sal.

Deixei ferver e juntei o frango desfiado, seguido da couve lombarda em pedaços. Quando a couve estava quase pronta acrescentei o feijão. Deixei mais algum tempo ao lume para engrossar e retirei :)

Como é que uma coisa tão simples pode ser tão boa, certo?

Portanto os almoços desta semana foram todos assim :)
Acho que julguei erradamente a couve lombarda, tenho gostado bastante de a usar em feijoada. E é muito mais low maintenance do que outras couves, já para não falar do espaço que (não) ocupa :P Ultimamente até tenho feito feijoada mais vezes por causa disso - antes só fazia quando ia às compras ao final da semana para comprar penca, porque se estraga facilmente. Agora tenho feito as compras semanais logo do início da semana, mas como a couve lombarda se conserva bem durante mais tempo não há problema. Enfim, dilemas de quem é amante de couves :P

Para os jantares fiz dois pratos. Um deles foi este:

Massa com pota, grão-de-bico e nabiças

Mais uma comida de conforto imbatível :D
A preparação também não é novidade nenhuma. Cozi o grão-de-bico em água com sal no dia anterior e reservei a água.

No dia, como de costume, fiz refogado a mais para a feijoada, e depois de triturar retirei metade para outro tacho. Neste adicionei a água de cozer o grão-de-bico e depois a pota em pedaços, seguida de nabiças. Quando as nabiças estavam quase cozidas acrescentei a massa, e quando a massa estava quase pronta também juntei o grão-de-bico. Mais uns minutos ao lume e estava a comida feita :)

Pode parecer uma combinação estranha, mas juro que é estranha e deliciosa!

Algumas pessoas acharam estranho usar pota e grão-de-bico, mas adoro leguminosas e acho que ficam bem em tudo :P
Por fim, para ter mais variedade, ainda fiz um prato vegan para alguns dos jantares:

Tofu fumado e batata-doce, a clássica dupla :)
Este é o mais simples de todos, apenas fatiei ambos e levei ao forno até estarem prontos. Desta vez nem sequer fiz sopa, acompanhei com tomate cherry:

Gosto particularmente dos do Lidl, são o equivalente comestível de balões coloridos :P
A nível de refeições a minha semana foi assim. Já não me vejo a fazer as coisas de outra forma, sinceramente. A qualidade de vida é outra quando se tem pratinhos caseiros assim para aquecer todos os dias :P

Comentários

  1. Eu ando super fã de couve lombarda :P

    Desculpa a pergunta, mas quantas vezes por semana comes tofu? É que já me disseram que também não é lá muito saudável.

    Beijocas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não tens nada que pedir desculpa! :)

      Depende muito das semanas, mas regra geral talvez entre 3 e 6 vezes. Há alguns mitos em volta da soja, mas no geral são infundados e não corroborados por estudos.

      Por exemplo, há a ideia de que pode afetar os homens a nível hormonal, mas os únicos estudos que verificaram isso foram os que colocaram indivíduos a comer quantidades absurdas de soja por dia - foram reportados efeitos negativos no caso de um homem que consumiu 3 litros de leite à base de soja, por exemplo, o que é completamente irrealista.

      Outra crença comum é que provoca cancro da mama nas mulheres, mas na verdade um consumo moderado de soja foi até associado à diminuição da incidência deste tipo de cancro, bem como à diminuição da mortalidade a ele devida.

      Recomendo este artigo do Examine: https://examine.com/nutrition/is-soy-good-or-bad/

      Obrigada pelo comentário, espero ter ajudado e beijinhos :)

      Eliminar
  2. Que excelentes sugestões!
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  3. Ola! Podemos por feijao branco de lata? E grao de bico? Obrigada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!

      Sim, feijão ou grão-de-bico de lata (e também a água que vem na lata) servem. Só acho que as versões enlatadas já cozidas têm tendência a ficar mais desfeitas, mas isso também depende da marca :)

      Espero ter ajudado :)

      Eliminar
  4. Olá. Sou péssima com quantidades, existe algum sitio onde tenha a descrição, completa, da receita? Obrigado e um beijinho, peço desculpa por incomodar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!

      Destas receitas em específico não - mas se procurar no índice de receitas encontra algumas parecidas :)

      Quanto ao refogado, diria que 50g de cebola, 50g de pimento e 1/2 dente de alho por dose é um bom ponto de partida! Tomate não costumo usar tanto - apenas uma rodela por dose.

      O sal é juntar e ir provando; as quantidades do feijão, da couve, e da carne dependem muito das preferências e necessidades de cada um! Mas não há muito que enganar, porque não há proporções ideais - há um vasto leque de quantidades que fica bem, receitas como esta dificilmente saem mal :)

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Produtos #91 - Pudins Proteicos do Lidl (Baunilha/Chocolate)

Hoje o post é sobre a febre do momento: os pudins proteicos do Lidl :P Para quem não está a par, há algumas semanas começaram a aparecer nos supermercados portugueses da cadeia Lidl uns pudins proteicos muito parecidos aos da Ehrmann. Estão disponíveis em duas versões: baunilha e chocolate . Cada pudim ( 200g ) tem cerca de 150kcal e 20g de proteína e custa 0.99€ . Não têm açúcar adicionado , e são isentos de lactose e de glúten .  Por vezes recebo comentários a referir que o teor de açúcar não é nulo (4g/100g) , mas é importante referir que este açúcar é naturalmente presente . Os iogurtes naturais não adoçados têm uma quantidade de açúcar semelhante. Outro ponto importante a referir é que a proteína também vem do leite , que é uma fonte de qualidade (por ser completa, ao contrário por exemplo do colagénio ou glúten). Antes que fiquem excessivamente entusiasmados, devo dizer que encontrá-los não é tarefa fácil: a procura anda ao nível dos skyr na altura em que foram lançados (

Produtos #69 - Pudins Proteicos da Ehrmann (Caramelo, Baunilha, Chocolate e Chocolate-Coco)

Hoje o post é sobre os famosos pudins proteicos da Ehrmann. Sempre que partilho fotos deles recebo perguntas, é infalível - seja acerca do rótulo, do preço, do sabor, dos locais de compra,... Desta forma, achei que o melhor seria escrever um post sobre eles e acabar com as dúvidas de uma vez por todas :) Começo pelas informações básicas: Locais de Compra Para já, os pudins estão disponíveis em poucas superfícies comerciais: fisicamente apenas os encontram nas lojas  Auchan e Primebody Nutrishop (há três, todas em Lisboa). Podem ainda encomendar online pelos respetivos sites, auchan.pt e primebodynutrishop.com . A cadeia Auchan só faz envios para algumas partes do território nacional, mas a Primebody envia para todo o país. Se optarem por encomendar pelo Auchan , os portes ficam a 5,90€ ; que eu saiba são fixos (acho que não há nenhum valor a partir do qual o envio seja grátis). No site da Primebody os portes ficam a 3,99€ , e são grátis para encomendas a part

As Panquecas Perfeitas! (Saudável, Sem Gordura Adicionada, Sem Glúten)

Desde que tenho o blog já experimentei muitas receitas de panquecas, e já publiquei várias delas. Algumas foram particularmente bem-sucedidas: as de aveia com quark , as de weetabix e as de coco já foram feitas (e aprovadas) por muita gente que me veio dar o seu feedback . Outras tornaram-se em clássicos por aqui, e foram repetidas imensas vezes por mim desde que as publiquei; é o caso das panquecas com aveia de sabor e das de aveia e centeio . Mesmo as panquecas de abóbora , uma das últimas receitas que publiquei, foram bastante apreciadas (por mim e por quem já experimentou e partilhou a sua opinião). E gostei bastante de todas estas receitas, até porque só publico no blog coisas de que tenha gostado realmente. Mas, as receitas antigas que me desculpem, hoje não venho partilhar uma receita de panquecas 'boa', nem sequer muito boa. Hoje venho partilhar A receita, capaz de revolucionar por completo a forma como vêem as panquecas. Apenas as fiz hoje, mas tive de p