Avançar para o conteúdo principal

Christmas Veggie Challenge

O estilo alimentar vegan ou vegetariano sempre foi chamativo para mim. Não é uma opção que me cause 'estranheza' como a algumas pessoas, não tenho problemas em comer substitutos da carne (com exceção do seitan, odeio seitan) e eticamente esta é uma posição com a qual me identifico (a parte mais importante, claro). 

Além de tudo isto, gosto de experimentar receitas diferentes e ultimamente tenho gostado de explorar alternativas para refeições sem produtos de origem animal. Esta moda ainda não se refletiu muito aqui no blog porque as minhas receitas demoram mais tempo a chegar cá do que a luz de Alpha Centauri, mas tenho partilhado algumas experiências que tenho feito no facebook/instagram e publicarei a seu tempo as receitas no blog.

Entre elas a desta sopa de lentilhas m-a-r-a-v-i-l-h-o-s-a
E a deste delicioso estufado de courgette e grão-de-bico (com couscous para acompanhar)
Claro que não podia faltar ao estereótipo e fazer também qualquer coisa com tofu ;)
Stereotype II:  Electric Boogaloo (ou 'douradinhos de tofu panados com aveia' vindos diretamente do jantar de hoje, é como preferirem)

Isto tudo para dizer que nem pensei duas vezes antes de decidir que ia participar no desafio de receitas vegan lançado pela Nádia do blog Kill Your Barbies. A ideia está associada à substituição de pratos/sobremesas tradicionais de Natal por versões vegan; podem sabre mais sobre tudo isto neste post do blog dela. Não falta muito para as sugestões começarem a surgir, fiquem atentos :)

Antes de me ir embora, deixo aqui participação de hoje no desafio de Natal (amanhã será a minha vez!):

Do blog Cozinha Pra 3: um delicioso bolo rei :)

Comentários

  1. Eu também não tenho problema nenhum em comer pratos vegetarianos ou veganos. Aliás, de volta e meia faço e olha que há coisas mesmo saborosas que nem sentimos falta da carne ou do peixe! Gostei desses estufado e por acaso tenho ali uma courgete a precisar de ser usada! beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Tenho vontade de fazer um bolo rei e tu assim com essas fotos =)

    Olha sou te muito sincera... Se eu estivesse sozinha, acho que já tinha largado a carne de vez.
    Mas como não estou sozinha. Mas também é uma alimentação que não me faz confusão.
    Adoro tofu fumado =D

    Beijocas

    ResponderEliminar
  3. Eu adoro pratos vegetarianos e sempre que tenho oportunidade como. Em casa também cozinho pratos vegetarianos mas quero passar a fazer mais. Nem sabes o que me ri sobre o que escreveste acerca do tempo que as tuas receitas levam a chegar aqui. Dos pratos que apresentas o último é o que me deixa mais curiosa! :)
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  4. Tenho de ir espreitar esse desafio.
    Cá por casa duas a três vezes por semana, a refeição é vegetariano.
    Sinceramente sobre a alimentação vegan não estou tão dentro do que se pode ou não comer.
    Fico à espera da tua sugestão.

    Beijinhos,
    Clarinha
    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2016/12/omoleta-de-espinafres-com-queijo.html

    ResponderEliminar
  5. Também adoramos experimentar todo o tipo de pratos, é uma ótima sugestão.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  6. Gosto de alguns pratos vegetarianos e veganos, embora não seja muito adepta de radicalismos.Estes pratos que nos apresentas parecem bem bons.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  7. Eu confesso que gosto muito dos ideais do veganismo, mas não me imagino, de todo, a conseguir seguir a dieta deles... sobretudo, porque odeio cozinhar e quanto mais prático, melhor. E, convenhamos, ser vegan não é prático =P talvez me inspire numa destas tuas sugestões!

    ResponderEliminar
  8. Esses douradinhos de tofu parecem ser booonnsss!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Produtos #91 - Pudins Proteicos do Lidl (Baunilha/Chocolate)

Hoje o post é sobre a febre do momento: os pudins proteicos do Lidl :P Para quem não está a par, há algumas semanas começaram a aparecer nos supermercados portugueses da cadeia Lidl uns pudins proteicos muito parecidos aos da Ehrmann. Estão disponíveis em duas versões: baunilha e chocolate . Cada pudim ( 200g ) tem cerca de 150kcal e 20g de proteína e custa 0.99€ . Não têm açúcar adicionado , e são isentos de lactose e de glúten .  Por vezes recebo comentários a referir que o teor de açúcar não é nulo (4g/100g) , mas é importante referir que este açúcar é naturalmente presente . Os iogurtes naturais não adoçados têm uma quantidade de açúcar semelhante. Outro ponto importante a referir é que a proteína também vem do leite , que é uma fonte de qualidade (por ser completa, ao contrário por exemplo do colagénio ou glúten). Antes que fiquem excessivamente entusiasmados, devo dizer que encontrá-los não é tarefa fácil: a procura anda ao nível dos skyr na altura em que foram lançados (

Produtos #69 - Pudins Proteicos da Ehrmann (Caramelo, Baunilha, Chocolate e Chocolate-Coco)

Hoje o post é sobre os famosos pudins proteicos da Ehrmann. Sempre que partilho fotos deles recebo perguntas, é infalível - seja acerca do rótulo, do preço, do sabor, dos locais de compra,... Desta forma, achei que o melhor seria escrever um post sobre eles e acabar com as dúvidas de uma vez por todas :) Começo pelas informações básicas: Locais de Compra Para já, os pudins estão disponíveis em poucas superfícies comerciais: fisicamente apenas os encontram nas lojas  Auchan e Primebody Nutrishop (há três, todas em Lisboa). Podem ainda encomendar online pelos respetivos sites, auchan.pt e primebodynutrishop.com . A cadeia Auchan só faz envios para algumas partes do território nacional, mas a Primebody envia para todo o país. Se optarem por encomendar pelo Auchan , os portes ficam a 5,90€ ; que eu saiba são fixos (acho que não há nenhum valor a partir do qual o envio seja grátis). No site da Primebody os portes ficam a 3,99€ , e são grátis para encomendas a part

As Panquecas Perfeitas! (Saudável, Sem Gordura Adicionada, Sem Glúten)

Desde que tenho o blog já experimentei muitas receitas de panquecas, e já publiquei várias delas. Algumas foram particularmente bem-sucedidas: as de aveia com quark , as de weetabix e as de coco já foram feitas (e aprovadas) por muita gente que me veio dar o seu feedback . Outras tornaram-se em clássicos por aqui, e foram repetidas imensas vezes por mim desde que as publiquei; é o caso das panquecas com aveia de sabor e das de aveia e centeio . Mesmo as panquecas de abóbora , uma das últimas receitas que publiquei, foram bastante apreciadas (por mim e por quem já experimentou e partilhou a sua opinião). E gostei bastante de todas estas receitas, até porque só publico no blog coisas de que tenha gostado realmente. Mas, as receitas antigas que me desculpem, hoje não venho partilhar uma receita de panquecas 'boa', nem sequer muito boa. Hoje venho partilhar A receita, capaz de revolucionar por completo a forma como vêem as panquecas. Apenas as fiz hoje, mas tive de p